Uma idosa de 64 anos resistiu a um assalto à mão armada, lutando contra o assaltante que lhe terá apontado uma arma à cabeça. Segundo avança o “Correio da Manhã”, a tentativa de roubo ocorreu em Santa Maria da Feira, distrito de Aveiro, no início da tarde da passada quinta-feira, dia 30 de Julho, depois da comerciante ter abandonado o seu local de trabalho, junto ao local onde mora. Esta terá lutado contra o criminoso e gritado por socorro, fazendo com que alguns vizinhos a pudessem ajudar. O assaltante fugiu assustado do local, tendo tentado conduzir uma moto que teimava em não pegar.

A comerciante estaria a entrar na sua viatura, quando um assaltante apareceu de surpresa exigindo que esta saísse do carro para lhe roubar a carteira. A senhora não teve receio da arma e, segundo várias testemunhas, terá lutado contra o criminoso. Rapidamente os vizinhos acudiram a idosa que teria gritado várias vezes por socorro, fazendo com que o assaltante fugisse do local sem ter conseguido roubar nada.

Segundo avança o “Correio da Manhã”, o criminoso teria a cara tapada e também um cúmplice que estaria a poucos metros do local onde a mulher resistiu ao assalto, à espera do seu colega com uma moto. Conforme relatam alguns vizinhos da vítima, a mota teimava em não pegar e estes tiveram que empurrá-la durante uma subida superior a 300 metros, até finalmente conseguirem chegar a uma descida.

Laurinda Almeida, uma das vizinhas da vítima, confessou que esta, mesmo depois da tentativa de assalto, estava completamente em pânico. “O ladrão chegou a apontar uma arma a um dos vizinhos que a foi acudir, ameaçando-o que se este não voltasse a entrar em casa, matava-o”, confessou a testemunha ao “Correio da Manhã”, explicando os breves momentos de terror que estes cidadãos de Santa Maria da Feira viveram na passada quinta-feira, ao início da tarde. A senhora de 64 anos acabou por ser a heroína do dia, mostrando uma grande coragem e determinação, surpreendendo assim o assaltante que se encontra a monte. #Crime #Polícia