Um violento despiste de uma viatura ligeira na Vila de Fão, concelho de Esposende, fez esta manhã de terça feira dois feridos, um dos quais considerado grave. As vítimas do sinistro rodoviário são residentes em Esposende e seguiam para a freguesia de Amorim, concelho da Póvoa de Varzim.

Segundo dados recolhidos no local, a viatura da marca BMW entrou em despiste na conhecida curva do "Bom Jesus de Fão", na Avenida São Januário. Esta acabou por embater violentamente numa paragem de autocarros que, àquela hora, estava vazia.

No interior da viatura, uma das vítimas, o passageiro que seguia ao lado da condutora, ficou encarcerado entre a coluna da paragem de autocarro e o banco de passageiros.

Com o quartel a menos de um quilómetro do local do acidente, vários meios da corporação dos Bombeiros Voluntários de Fão (BVF) estiveram no teatro de operações, num total de nove elementos, duas ambulâncias e um carro de desencarceramento. Também a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Barcelos foi acionada para o local.

Face à posição da vítima e ferimentos desta, o desencarceramento foi "delicado" e considerado "complicado". "Este tinha a coluna da paragem a fazer pressão na vítima. Tivemos que o extrair pelo vidro traseiro do carro. Estava consciente, mas com muitas dores", referiu Miguel Pereira, adjunto de comando dos BVF, que comandou as operações.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) do posto territorial de Esposende teve que cortar uma das vias da Estrada Nacional (EN) 13 para se proceder às manobras de socorro. Só ao fim de hora e meia foi possível extrair o passageiro do carro. Já a condutora, de 23 anos, foi considerada ferido ligeiro. Ambas as vítimas, de Esposende, foram transferidas para o Hospital de Barcelos. "O passageiro é o ferido que inspira maiores cuidados", confirmou fonte do Hospital de Barcelos.

Segundo a GNR de Esposende, as razões do despiste permanecem como desconhecidas, apenas se sabe que as condições de visibilidade e piso estavam aparentemente boas. #Acidente Rodoviário