Uma operação dos militares da Guarda Nacional Republicana (GNR) levou à detenção de dois indivíduos que vinham sendo alvo de uma investigação contra o tráfico de droga. A situação ocorreu ontem à noite numa das circulares de Barcelos quando os narcotraficantes foram surpreendidos em plena via junto ao nó de da A11. A ação foi desenvolvida após investigação de militares do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial da GNR de Barcelos. Uma investigação que vinha ser desenvolvida já há algumas semanas e que sinalizou dois indivíduos suspeitos de estarem envolvidos no tráfico de droga.

"São duas pessoas com profissão e estavam a ser seguidos", indicou fonte do comando distrital da GNR de Braga. A Blasting News apurou que se tratam de dois jovens residentes em Barcelos de nacionalidade portuguesa, com 28 e 29 anos de idade, e que tinham, respetivamente, as profissões de eletricista e ajudante de mecânico. A abordagem da GNR do NIC de Barcelos foi realizada na interceção da auto-estrada A11 e a Estrada Nacional 103, pouco depois das 21:00 horas. Os dois indivíduos não ofereceram qualquer resistência e foram de imediato detidos.

No âmbito desta investigação, que ainda está em curso por suspeitas da prática do #Crime de tráfico de estupefacientes, a equipa do NIC de Barcelos encontrou no interior das viaturas mais de cinco quilogramas de cannabis, uns gramas de folhas e outras sumidades secas. Também foram apreendidos mais de 50 pés de plantas cannabis sativa. Duas viaturas ligeiras também foram confiscadas e apreendidas pelos militares da GNR.

Os dois indivíduos foram levados para os calabouços do posto territorial da GNR de Barcelos, situado na freguesia de Barcelinhos. Segundo informações prestadas via comando militar de Braga, estes vão ser presentes este sábado, 2 de maio, ao Tribunal da Comarca de Vila Nova de Famalicão - cerca das 10:00 horas da manhã - para serem ouvidos em primeiro interrogatório. No final vão ser tomadas as respetivas medidas de coação pelo juiz de turno do tribunal.