Um jovem com 19 anos de idade permanece em estado considerado “crítico” depois de ter sido atingido, ao final desta tarde de quarta-feira, dia 27, por um pinheiro de grandes dimensões na cabeça e zona costal na freguesia de Fornelos, concelho de Barcelos. Era o primeiro dia que o jovem, que fazia diferente tipos de jornadas laborais,  experimentava ser madeireiro. Tudo terá acontecido pouco depois das 18h00. O jovem, que será residente na freguesia de Chavão, também concelho de Barcelos, estava juntamente com madeireiro numa bouça a cortar eucaliptos, numa zona com acesso pela Rua de Santa Comba e junto ao Lugar Aldeia de Baixo.

Durante o corte de um eucalipto de grandes dimensões, e no processo da queda, a árvore tocou num pinheiro que por sua vez arrastou outro para o chão. Este “efeito dominó” surpreendeu o jovem – é dado como desconhecido oficialmente – que foi atingido, pelas costas, pelo pinheiro. A cabeça e zona da clavícula foram atingidas. Os ossos parential e frontal abriram, assim como a vítima ficou com um fratura exposta na zona do ombro. Também o pescoço terá “torcido” face ao embate da árvore.

O madeireiro, ao ver aquele cenário, alertou logo o Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) que acionou os #Bombeiros Voluntários de Barcelinhos e a Viatura Médica de Emergência e Reanimação estacionada no Hospital de Barcelos. O alegado patrão correu dois quilómetros a pé para orientar, junto à Igreja de Fornelos, os meios de socorro diretamente para a bouça onde a vítima permanecia inconsciente. Depois de estabilizado, e já com a sala de trauma do Hospital de Braga à espera da receção da vítima, este foi levado na ambulância dos Bombeiros de Barcelinhos em estado “muito grave”. A GNR de Barcelos tomou conta da ocorrência.

Camião de madeira arde na Pedra Furada

Quase em simultâneo com o grave acidente de trabalho, um camião, que fazia o transporte de madeira entre Fradelos, concelho de Vila Nova de Famalicão, e Viana do Castelo, via Pedra Furada, viu a carga pegar fogo. Os Bombeiros Voluntários de Barcelinhos foram chamados a intervir e circunscreveram as chamas ao reboque.