Esta manhã de terça-feira, pelas 10:30h, foi marcada pelo heroísmo de três #Bombeiros Voluntários de Esposende. Tudo aconteceu quando os soldados da paz foram alertados para o caso de um cão preso num pequeno regato, em acessos que são considerados "complexos", no lugar de Góios, na zona das Marinhas. O animal, um cão sem raça, estava retido pelos pedaços de paus que se encontravam no local, encontrava-se assustado e já em estado de hipotermia. Depois de nos últimos dias terem surgido muitas especulações sobre a proteção dos #Animais, os Bombeiros Voluntários de Esposende mostraram que os animais tem direito a serem salvos, tal como um humano.

"O cão estava em risco de vida num ribeiro. Fizemos deslocar uma viatura e três elementos. A operação foi complicada devido ao local de acesso e a topografia do terreno", explicou o bombeiro que coordenou as operações no local. Apesar do difícil acesso à zona em questão, os bombeiros deram o seu melhor para recuperar o animal que ali estava desamparado e conseguiram resgatá-lo da melhor forma. "A operação acabou por correr da melhor maneira", como refere Miguel Guerra, chefe da Corporação dos Bombeiros Voluntários de Esposende.

Após uma observação clínica, o cão foi entregue ao serviço da Protecção Civil Municipal de Esposende, tendo sido encaminhado para um canil pelos técnicos da Esposende Ambiente. À semelhança da situação agora verificada em Esposende, os casos de animais abandonados ou mal tratados continuam a registar números elevados pelo que é importante as autoridades estarem mais vigilantes na defesa dos direitos dos animais.

Na página do Facebook onde a notícia foi partilhada, que já conta com muitos "gostos" e partilhas dos cidadãos esposendenses, nota-se o orgulho nos seus bombeiros e o apelo para o bem estar dos animais. Também o comandante dos bombeiros Miguel Guerra fez questão de partilhar na sua página pessoal de facebook o que aconteceu nesta manhã de terça-feira. A notícia teve igualmente direito a destaque nas páginas sociais de diversos órgãos de comunicação de Esposende.