Um jovem com 26 anos de idade foi ontem, ao início da noite, esfaqueado por um menor quando se encontrava no Parque do Castelo na Vila de Apúlia, concelho de Esposende. Tudo aponta para que a situação tenha motivos “familiares” antigos, até porque a vítima é o companheiro da irmã do agressor, que tem 17 anos de idade e trabalha numa barraca de farturas. A Guarda Nacional Republicana (GNR) de Esposende tomou conta da ocorrência.

Segundo foi possível apurar junto das autoridades judiciais, o jovem agressor, residente em Barcelos, encontrava-se na Vila de Apúlia a trabalhar numa barraca de farturas nas Festas da Senhora da Guia. A vítima terá passado no local, tendo uma alegada discussão começado entre os dois no Parque do Castelo, mesmo junto à marginal da Vila de Apúlia. O menor desferiu um golpe com uma navalha e atingiu a vítima na zona do tórax.

Agressão com arma branca lançou confusão

De imediato se instalou a confusão e gritos de quem passava no local, cerca das 20h00. O Centro de Orientação de Doentes Urgentes recebeu uma chamada, via 112, a pedir socorro, sendo de imediato acionados meios de Vila do Conde e da Vila de Fão. Para o local deslocou-se o meio de Suporte Imediato de Vida e ambulâncias da corporação de Bombeiros Voluntários de Fão.

“À chegada, a vítima tinha um golpe na zona lateral direita do tórax. Numa avaliação rápida, o golpe tinha cerca de três centímetros de profundidade”, indicou fonte do socorro no local. A vítima, consciente e cooperante, foi transportada para o Hospital de Barcelos. “Está estável”, indicou já durante a noite fonte do hospitalar, indicando que a vítima é residente em Lijó, freguesia do concelho de Barcelos.

GNR no local

É desconhecido se o alegado agressor foi identificado ou não pelas autoridades, apenas sabendo-se que a Guarda Nacional Republicana de Esposende deslocou para Apúlia uma patrulha para tomar conta da ocorrência que aconteceu nas populares festas em honra da Senhora da Guia, que este ano estão a durar mais tempo devido a sucessivos adiamentos do programa por causa do mau tempo que está a afetar Esposende. #Crime