Dois graves acidentes, esta madrugada no distrito de Braga, resultaram em duas vítimas mortais. Os dois jovens, de 17 e 25 anos, perderam a vida em acidentes diferentes, mas tendo como base comum o provável excesso de velocidade. O primeiro acidente aconteceu no concelho de Braga, na freguesia suburbana de Palmeira, na Estrada Nacional (EN) 205-4. O carro onde seguiam dois irmãos entrou em despiste e o condutor, um dos irmãos, não segurou o veículo e acabou sinistrado.

Do embate resultou a morte imediata do irmão menor, um jovem com apenas 17 anos, que seguia como pendura. Meios de socorro dos Bombeiros de Braga, INEM, assim como a VMER, seguiram para o local para prestar socorro às vítimas. O condutor foi evacuado para o Hospital de Braga (HB) com ferimentos ligeiros, sendo o corpo do irmão transportado pelos Sapadores de Braga para o Instituto de Medicina Legal do HB.

Choque frontal em Forjães na EN 103 faz um morto

Já no concelho de Esposende, na EN 103 que liga Barcelos a Viana do Castelo, um jovem de 25 anos perdeu a vida numa violenta colisão frontal, mesmo no centro da freguesia de Forjães, concelho de Esposende. Um Fiat Bravo, que seguia no sentido de Barcelos, entrou em despiste e foi chocar frontalmente com uma carrinha Ford Transit. Deste embate resultou a morte de Mário Fernandes, natural de Vila Chã (Esposende), que seguia ao lado do condutor, identificado no local como sendo um jovem de 27 anos de nome "Óscar" e natural de Belinho.

Já o condutor da carrinha, um homem de 53 anos dos Feitos (Barcelos), também ficou ferido com alguma gravidade - alegado problema cardíaco - e foi transportado para o Hospital de Viana do Castelo.

No terreno estiveram vários meios, até porque houve a necessidade de desencarceramento das vítimas. Bombeiros Voluntários de Esposende e Cruz Vermelha Portuguesa do núcleo de Neiva estiveram no socorro às vítimas. A VMER também esteve no local e declarou o óbito do jovem de Vila Chã.

Familiares da vítima estiveram no local e foram amparados por elementos da GNR de Esposende e da Brigada de Trânsito de Braga. A EN 103 esteve duas horas cortada ao trânsito. #Acidente Rodoviário