Foram divulgados esta terça-feira, pela revista "Rolling Stone", os nomes dos artistas que vão integrar no próximo ano a galeria do Rock and Roll Hall of Fame, conceituado espaço que visa reconhecer o mérito em prol da cena rock e pop na indústria musical. A cerimónia dos novos membros irá decorrer a 18 de Abril de 2015, na Public House, em Cleveland (Ohio), e terá honras de transmissão na estação televisiva norte-americana Home Box Office (HBO). Nomes emblemáticos como Elvis Presley, Aretha Franklin, The Beatles, Stevie Wonder, Madonna ou The Rolling Stones fazem parte da galeria do Museu do Rock and Roll.

Em 2015, Lou Reed, Green Day, Joan Jett and the Blackhearts, Bill Withers, Stevie Ray Vaughn e Paul Butterfield Blues Band são os artistas que, segundo aquela publicação especializada norte-americana, vão ter representação no Passeio da Fama.

Publicidade
Publicidade

De fora ficaram bandas e artistas como Nine Inch Nails, The Smiths, Chic, N.W.A, Kraftwerk e Sting. Note-se que o requisito primeiro para integrar o Rock and Roll Hall of Fame é que o primeiro álbum (ou "single") dos músicos tenha, no mínimo, 25 anos.

Os norte-americanos Green Day, em actividade desde 1987, lançaram o primeiro trabalho - EP "1,000 Hours" - em 1989 e, como tal, entram para o Passeio da Fama logo no ano inaugural em que se encontram na condição de elegíveis. "Tive que ir espairecer quando ouvi a notícia", começou por relevar Billie Joe Armstrong, vocalista da banda, em declarações à "Rolling Stone". Armstrong, de 42 anos, não escondeu a satisfação: "Estamos numa companhia incrível e ainda estou a absorver tudo. O Rock and Roll Hall of Fame significa muito para mim, porque muitas das minhas referências musicais estão lá.

Publicidade

Este é o momento ideal para fazermos o balanço da nossa carreira e lançarmos um olhar ao passado com gratidão", sublinhou.

Ringo Starr, ex-baterista dos Beatles, também será distinguido na cerimónia, uma vez que tem à sua espera o galardão para Excelência Musical. Starr, que já faz parte do Rock and Roll Hall of Fame desde 1988 (com a banda britânica), será então o último elemento do histórico conjunto de Liverpool a entrar para a galeria do Museu, a título individual. "Significa um reconhecimento para mim, mas também significa que, finalmente, estamos os quatros no Rock and Roll Hall of Fame", referiu Starr à revista norte-americana. Nota ainda para Lou Reed, que será homenageado a título póstumo. Recorde-se que o ex-vocalista dos The Velvet Underground e um dos melhores guitarristas de todos os tempos já integrava o Passeio da Fama desde 1996. Tal como Lou Reed, também Stevie Ray Vaughn, antigo guitarrista de blues, será alvo de homenagem póstuma. #Entretenimento #Música