Já está disponível no site Tinymixtapes a #Música "The Rotted Names" do projecto Boduf Songs. Este um tema de avanço para o novo álbum da banda britânica, chamado "Stench Of Exist". O vídeo oficial do mesmo tema também já está disponível no Youtube. Realizado por Matt Sweet, o mentor do projecto, o vídeo minimalista espelha bem o factor repetitivo e hipnótico que a música tem.


Boduf Songs começou em 2004 principalmente como um projecto acústico de Matt Sweet. O primeiro álbum, auto-intitulado, surgiu pouco depois, fruto de uma produção caseira cujo equipamento era composto por um gravador mini-disc e um PC com um disco de 4GB. O álbum que se seguiu, "Lion Devours The Sun" em 2006, já viu uma evolução significativa, acrescentando algumas camadas sonoras e mais complexidade às suas composições, com muita experimentação à mistura. Dois anos depois seria a vez de "How Shadows Chase The Balance", que expandiria definitivamente os horizontes de Boduf Songs, entrando nos domínios da música electrónica, tendo em vista sempre o sentido de ambiência. Algo que foi mais aprofundado no álbum de 2010, "This Alone Above All Else In Spite Of Everything", onde essa ambiência foi ampliada mantendo em paralelo um certo sentimento de claustrofobia. O último álbum viria a surpreender, quando Sweet resolve aumentar a intensidade do seu som, com guitarras distorcidas e ainda mais elementos electrónicos.


O próximo trabalho, "Stench Of Exist", que só vai estar disponível a partir de 3 de Fevereiro, mantém as características marcantes do projecto com várias camadas de sonoridades electrónicas, elementos que são comuns tanto às sonoridades chillout como às trip hop. Essas sonoridades acabam por crescer dentro do ouvinte, comandadas por uma voz suave que conduz à hipnose como uma crónica de mais uma noite na cidade, à chuva. Uma boa comparação em termos de imagem, será sem dúvida o imaginário proposto pelo clássico filme de Riddley Scott, "Blade Runner". Para todos os que apreciam subtileza e soturnidade na sua música, este será um álbum a não perder.
#Entretenimento