O festival de fado Caixa Ribeira realiza-se a 12 e 13 de junho em dez palcos distribuídos ao longo da Ribeira da Invicta. Carminho, Camané, Katia Guerreiro e Carolina são presenças confirmadas. A organização revelou que o sucesso do Caixa Alfama, em Lisboa, que este ano se realiza a 18 e 19 de setembro, tornou possível levar ao Norte a cultura que tão bem define os portugueses, o fado.

O evento Festival Caixa Ribeira - Aqui Mora o Fado leva ao Porto "mais de 40 fadistas que vão atuar durante dois dias em 10 palcos na Ribeira do Porto, numa iniciativa da Caixa Geral de Depósitos e da Música no Coração, com o apoio da Câmara Municipal do Porto, através da Porto Lazer", revelou a organização em comunicado. Os locais onde se vai poder escutar o fado também já estão escolhidos, são eles: "Palácio da Bolsa no Salão Árabe e Pátio das Nações, Mercado Ferreira Borges no Hard Club 1 e 2, Palco Caixa, Igreja de São Francisco, Fado à Janela (Cais da Estiva), Barco no Douro, Cave no Cais da Estiva e Antiga Junta de Freguesia de São Nicolau", confirmou a promotora.

O festival vai juntar nomes conhecidos do meio, mas também pretende mostrar ao público os novos talentos, apostando sobretudo nas novas vozes nortenhas que se têm dedicado a cantar o fado. A organização do evento revelou que o festival "reunirá os melhores e mais atuais nomes do Fado, com especial atenção para os intérpretes do Norte do país. Afinal, o Fado é expressão cultural da identidade Portuguesa e aqui encontramos alguns dos seus mais notáveis intérpretes, dos consagrados aos jovens valores."

O mês de junho, mês de São João do Porto, vai atrair ainda mais turistas e visitantes à cidade. O Festival Caixa Ribeira - Aqui Mora o Fado pretende devolver esta tradição ao Porto. Na apresentação do evento, Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto revelou ao Correio da Manhã que "Na Ribeira houve uma grande tradição de casas de fado. Isso perdeu-se um pouco. O fado é Património da Humanidade. É, para todos os portugueses, uma honra ter o fado. Portanto, é bom que o fado também esteja no Porto, para as pessoas descobrirem que o fado também se canta no Porto".

Os bilhetes para o evento de dois dias custam 28 euros, comprados com antecedência. Se forem apenas adquiridos no dia do festival passam a custar 35 euros. Informações e vendas estão já disponíveis nos locais habituais. #Entretenimento