Das corridas e maratonas para a escrita. Maria da Conceição, 37 anos, portuguesa, humanitária, com três recordes alcançados no 'Guinness' e já conhecida pelos seus grandes desafios por angariar donativos necessários e promover a educação de crianças no Bangladesh através da 'Maria Cristina Foundation' com sede no Dubai, estará em Lisboa para entrevistas e lançará pela Editora Bertrand o seu primeiro livro intitulado "Uma mulher no topo do mundo".

A obra tem o título "Uma mulher no topo do mundo" por se referir à subida de Maria da Conceição, a primeira portuguesa, ao cume do Monte Evereste, nos Himalaias, em 2013. "Foi a coisa mais difícil que fiz em termos físicos, mas o cume do mundo é ainda mais bonito do que alguma vez poderia ter imaginado" - um pequeno trecho retirado do livro de Maria da Conceição da Editora Bertrand. São 168 páginas que levam o leitor a conhecer os lugares por onde realizou suas aventuras, desafios e experiências vividas através das suas declarações e memórias que vão ao decorrer da leitura ganhando forma a cada página e envolvendo o leitor de uma forma simples com suas histórias.

Contudo, o livro não tem apenas a intenção de se fazer conhecer como mais uma obra literária, mas sim de poder mostrar ao mundo o trabalho imparável que tem vindo a realizar desde 2005, data de inauguração da sua Fundação, até aos dias de hoje. A grande finalidade foi sempre a de apoiar as crianças e famílias mais pobres dos bairros desfavorecidos de Dhaka, favorecendo assim a construção de mais escolas primárias e secundárias, melhorando as estradas, o abastecimento de água potável e os centros de saúde nestes bairros carentes. O objetivo foi sempre o de melhorar a qualidade de vida da população necessitada do Bangladesh.

O livro "Uma mulher no topo do mundo", de Maria da Conceição, editado este ano (2015), estará à venda dia 27 de Março, data de lançamento do livro, em todas as livrarias Bertrand do país. #Livros #Literatura