A 68ª edição do Festival de Cannes, que se irá realizar do dia 13 a 24 de Maio, está já a gerar alguma controvérsia com a sua intenção de proibir as selfies na passadeira vermelha. Atrasos no evento, extrema ridicularização das celebridades e desorganização na passadeira vermelha são algumas das razões apontadas pelo diretor, Thierry Fremaux, que justificam a sua decisão de proibir as selfies. A par desta intenção foi também lançada uma campanha de apelo para contenção das selfies e para desincentivar a sua prática.

O diretor, terá falado, na quinta-feira passada, dia 16 de Abril, no início da conferência de imprensa de apresentação da próxima edição do evento, sobre o assunto: "Nós não queremos proibi-las, mas é uma questão de timing.

Publicidade
Publicidade

Nós temos um determinado período de tempo para fazer as pessoas atravessarem a passadeira vermelha e se apressarem e atrasa mesmo tudo se as pessoas param a cada dois metros para tirarem uma fotografia de si próprias, consigo próprias", apontou, acrescentando ainda que "As selfies são ridículas e grotescas.".

O diretor Thierry Fremaux conta com o apoio na sua decisão de Pierre Lescure, presidente do festival, que também não acha "graça" às selfies, afirmando que, na passadeira vermelha, "(…) vemos as pessoas ficarem sempre bem e, honestamente, nunca se fica tão feio como numa selfie", revelou ao jornal inglês The Guardian.

Porém, a proibição não é oficial devido à falta de policiamento no recinto para controlar os presentes. Contudo, a organização do evento terá já apelado aos atores e realizadores para não tirarem selfies com os seus telemóveis.

Publicidade

O site da MTV norte-americana já publicou a sua opinião contrária: "Seria ótimo se as sessões de filmes em festivais se tratassem exclusivamente de pessoas a assistir um filme, mas sejamos realistas: fotógrafos profissionais vão ao tapete vermelho também, o que é a prova de que o evento é (…) também sobre fazer marketing e a promoção de um filme, o que envolve (…) tirar fotos com os atores que estão nele", lê-se num artigo. #Famosos #Cinema