Os palcos de Londres servem de casa à nova história de Harry Potter e companhia. Contudo, não uma será uma "prequela", mas sim uma nova trama que JK Rowling ainda não deu a conhecer. O anúncio surge no mesmo ano em que o primeiro livro da autora inglesa celebra 18 anos do seu lançamento. "Harry Potter e a Pedra Filosofal" foi publicado em 1997 e seria o início de um dos maiores sucessos da literatura e do #Cinema.

A nova história de Harry Potter surge oito filmes e sete #Livros depois do lançamento da primeira obra da saga e não é uma história passada antes dos livros, segundo a autora. A revelação foi feita por JK Rowling na sua conta oficial no Twitter.

Publicidade
Publicidade

De acordo com a escritora, a peça ira estrear no teatro Palace, na capital britânica.

Os detalhes sobre a história inédita, "Harry Potter and the Cursed Child" ("Harry Potter e a Criança Amaldiçoada", em português) não foram revelados. Quer a autora, quer o dramaturgo que colaborou na escrita da peça, não quiserem revelar muito. A direção ficará ao encargo de John Tiffany, aclamado encenador, distinguido várias vezes pelo seu trabalho no teatro.

Na rede social Twitter, JK Rowling referiu ainda o facto de a trama inédita ser uma peça e não um romance. De acordo com a escritora, o teatro é "o único meio ideal" para contar a história e os fãs da saga irão compreender isso mesmo quando tiverem oportunidade de a ver. Os detalhes serão publicados no site oficial da peça. A mesma tem estreia prevista para o Verão do próximo ano.

Publicidade

No entanto, já se sabe que os bilhetes estarão disponíveis a partir de Outono de 2015. 

A revelação surge apenas três dias depois de a autora publicar no site 'Pottermore' um texto inédito sobre os tios de Harry Potter. Nesta publicação, Rowling não só dá mais detalhes sobre a vida de Valter e Petunia, como também revela os motivos que levaram os tios a não gostarem de Harry Potter e a desprezarem a magia.

O texto serviu para assinalar os 35 anos de Dudley Dursley, o primo mesquinho e malvado de Harry Potter. Nele, a autora explica também a origem dos nomes dos tios de Potter e a difícil relação dos mesmos com James e Lily, pais do jovem feiticeiro.