Não existem hoje dúvidas que Portugal está cada vez mais no mapa das digressões internacionais e a confirmação da data da Deathcrusher Tour pelo nosso país é mais um bom exemplo. Agora chegou a vez de quatro nomes grandes da #Música extrema nos visitarem, num conjunto que agradará e muito aos fãs nacionais. Assim sendo, a Deathcrusher Tour está confirmada para desembarcar no Cine-Teatro de Corroios a 27 de Novembro. O espectáculo vai trazer ao nosso país quatro dos nomes clássicos que a música extrema tem para oferecer, que atravessaram alguma instabilidade nas suas carreiras mas que se encontram agora em bons momentos criativos.

Começando pelos Voivöd, a mítica banda canadiana foi uma das grandes pioneiras no experimentalismo na música pesada. Embora a morte de Piggy (de seu verdadeiro nome Denis D'Amour) em 2005 tenha sido uma forte machada, a banda não desanimou. Conseguiu encontrar um substituto à altura e desde esse momento fatídico já lançaram três álbuns, sendo que o último, "Target Earth", data já de 2013.

Os Obituary não tiveram um momento tão traumático na sua carreira mas tiveram um interregno que deixou muitos fãs a salivar por alguns anos. Com cinco álbuns de puro death metal da Flórida, a banda desapareceu de circulação antes do novo milénio se iniciar apenas para voltar em 2005, com um álbum que não terá convencido todos os que antecipavam esse mesmo regresso. De qualquer forma, a banda revelou-se decidida a recuperar o lugar e o tempo perdido que a sua ausência trouxe. A banda vem em suporte de "Inked In Blood" um dos grandes destaques do death metal clássico do ano passado.

De todas as quatro bandas desta digressão, a mais estável é de longe Napalm Death. A seminal banda britânica, pais do que se convencionou a chamar de grindcore, tem uma carreira com mais de trinta anos. É certo que a banda passou por diversas metamorfoses e fases experimentais, mas nunca desvirtuaram a forte mensagem de crítica social e nunca lançaram um álbum propriamente mau. "Apex Predator - Easy Meat", lançado meses atrás ainda está na mente de todos os apreciadores de death/grind, e poderá ser apreciado entre muitos clássicos da carreira da banda em Corroios.

A fechar o lote, temos os Carcass. Outra banda britânica que teve uma enorme importância no movimento grindcore, na sua faceta mais gore. A banda formada por Bill Steer, ex-membro dos Napalm Death, lançou dois dos mais influentes álbuns de gore/grind de sempre, mudando primeiro para terrenos mais próximos do death metal puro, depois para o death metal melódico e finalmente para o death'n'roll, num álbum que não convenceu todos os seus fãs. A banda dissolveu-se em 1996 e depois de alguns #Concertos de reunião, acaba por voltar aos álbuns com um muito aclamado "Surgical Steel", lançado em 2013. A banda visitou Portugal nesse mesmo ano, no festival Vagos Open Air, pelo que será uma excelente oportunidade para todos os fãs que não conseguiram ver esta clássica banda ao vivo.

O concerto é organizado pela Hell-Xis e os bilhetes já estão à venda através do site da promotora. Os primeiros 100 bilhetes vão ter um preço especial de 28 euros, que passam para 34 euros em compra antecipada e 38 euros no próprio dia do espectáculo.