Aposto que já estavam a pensar que iria desistir deste projecto, provavelmente por não ter superado as minhas expectativas. Por acaso, pensei em desistir... Mas adiante. A demora da realização do quiz, deveu-se ao facto de ter ficado preso numa escada rolante do Fórum Barreiro. Durante dois dias.

Quanto ao convidado desta semana, trago-vos desta vez o Carlos Pereira, o afro-descendente mais hilariante do país, a seguir ao Olavo Bilac. Neste momento, faz stand-up, dá entrevistas, e gere uma página no Facebook intitulada Eu Tu e o Preto, onde partilha questões pertinentes sobre o Montijo, humor, passo a redundância, e mamas.

O próprio refere que a sua vizinha diz que ele poderá ser o Obama do humor português. Um tiro no escuro, portanto.

Sem mais demoras. Esperem. Agora é que é. O pequeno quiz ao grande Carlos Pereira:

1-Antes de mais, e para que fique esclarecido de uma vez por todas, é Carlos Pereira ou Carlos Perreirra?

Na minha boca será sempre Perreira ou Parreira.

Publicidade
Publicidade

Tal como, arrisco a dizer, será também na boca de Francisco Louçã ou na de João Miguel Tavares num dia bom. Aliás, segundo a minha professora de Literatura Portuguesa, também o actual Presidente da República, Cavaco Silva, antes de frequentar a terapia da fala, tinha este tipo de dicção. Agora se percebe a razão de falar tão pouco e quando fala, só diz asneira. Tem de se resguardar. Tal como eu.

2-Consta que vieste para Portugal, com tenra idade, provindo de São Tomé e Príncipe. Se tivesses vindo de barco, achas que estarias aqui, entre nós?

Falso. Aterrei em Portugal com catorze anos de idade (não vá alguém achar que é ânus mal escrito). E passados três meses, completei os quinze anos, portanto é falso isto da tenra idade. Respondendo à questão: desde o Titanic que não sou capaz de fazer uma viagem longa de barco.

Publicidade

Nunca sabemos quando é que a vida nos pode obrigar a ceder o nosso lugar numa porta à miúda que gostamos. Portanto, se puder evitar isso, óptimo. Aliando a isso ao facto de eu nadar mal e parcamente, acho que se a viagem acontecesse, dificilmente estaria aqui.

3-É sabido que resides nessa grande metrópole que dá pelo nome de Montijo. Como é partilhar o teu talento com o do famigerado Paulo Futre, sabendo do seu libido?

Em relação a isso, e por ter a noção do risco que corro, tento proteger-me passando menos tempo possível no Montijo. Até porque o Montijo, todo ele, parece um asilo gigante. Parece que colocaram no Montijo as pessoas que mais ninguém quis em lado nenhum. Nada no Montijo me alicia. Também é difícil isso acontecer, a partir do momento em que tem no Kaxaça o seu grande estandarte. Uma zona que tem o Futre, o Ricardo (o gajo que defendeu o penálti sem luvas) e o Kaxaça como cartão-de-visita, não pode ambicionar o que quer que seja. É como se de repente o Fábio Paim viesse dizer que quer jogar no Barcelona.

Publicidade

Vamo-nos rir na cara dele.

4-Para além de seres cómico, és um adepto fervoroso do Sporting Clube de Portugal e, neste momento, estás a frequentar o curso de Ciências Políticas. Isso significa que estás a tentar seguir ospassos do Hélder do Amaral?

Quanto tempo é que tiveste de despender a preparar isto para saberes que o Hélder do Amaral é do Sporting? Pode-se dar o caso disso ser de conhecimento público e o distraído ser eu. Já agora, ele é cómico no sentido em que é deputado do PP, é isso? E ninguém me tira da cabeça que o Hélder do Amaral é deputado por obrigação. Para não parecer mal. Duvido que ele queira estar ali no meio daquela gente. Uma vez, a minha professora de Instituições Políticas, indignada por eu chegar constantemente atrasado, disse-me:"o que você pretende com isto (fazendo menção ao curso)? sabe que não há nenhum preto na politica portuguesa, não sabe?” Há. O Hélder do Amaral. É para momentos como este que o deputado do PP serve. Mas não. Não estou a seguir os seus passos. Há muitas explicações para eu estar a estudar Ciências Políticas, mas nenhuma delas é lógica. Portanto, não vale a pena.

Siga agora para a 2ª parte do quiz. #Entretenimento