Foi revelado hoje, dia 24 de Setembro, o primeiro avanço oficial para o álbum que inaugura a discografia dos Abbath. Esse avanço surge na forma do tema “Fenrir Hunts” que disponibilizamos no final deste artigo. Este tema, que tem a designação de “Abbath – Fenrir Hunts (Live, September 2015)", foi registado ao vivo em estúdio e não é a versão que aparecerá no álbum. O tema revela-se fortíssimo e é um bom indicador do que esta nova banda é capaz e daquilo que o primeiro álbum vai trazer.

Os Abbath consistem do seu fundador e líder Abbath, ex-Immortal, na voz e guitarra; King no baixo e Creature na bateria. Em declarações contidas no comunicado de imprensa da Season Of Mist, Abbath afirma que este tema, “Fenrir Hunts”, tem sido tocado ao vivo desde o primeiro concerto da banda no festival Tuska, na Finlândia.

Publicidade
Publicidade

Foi este facto que levou à decisão de gravar umas quantas músicas ao vivo com condições decentes. Com a ajuda de uma equipa de vídeo, gravaram três faixas ao vivo no início do presente mês. Junto com “Fenrir Hunts” que apresentamos aqui mais abaixo, vão ser disponibilizadas em breve duas covers.

A lenda norueguesa e a sua nova banda têm agendadas três datas no próximo mês em Austrália. Além disso também anunciaram a sua primeira digressão europeia no Inverno de 2016. Os Abbath vão-se juntar aos Behemoth, com os Inquisition (também na Season Of Mist) e os Entombed AD a abrir os espectáculos, naquela que promete ser uma das grandes digressões de 2016. Infelizmente as datas apontadas não contemplarão nenhum palco português.

Os seus ex-companheiros nos Immortal, Demonaz e Horgh, anunciaram meses atrás que iriam continuar sem Abbath e que estavam a trabalhar em novas músicas.

Publicidade

Segundo Abbath, este novo projecto foi uma solução de recurso. Afirma que sempre quis o melhor para Immortal e que não queria que as coisas acabassem assim. Que tudo o que queria era lançar o próximo álbum de Immortal já que tantos anos tinham passado após “All Shall Fall”. E que tanto Demonaz e Horgh, que agora tinham filhos e famílias, não aceitaram os termos de Abbath de ensaiar pelo menos três vezes por semana, o que levou à inevitabilidade do músico norueguês decidir seguir por sua conta.

Refere ainda que o ambiente na banda nunca ficou o mesmo após o problema de saúde de Demonaz nos anos noventa que o impediram de continuar a tocar guitarra. Acrescenta que quando a banda regressou para o último álbum, “All Shall Fall”, a química já não estava lá. Termina dizendo que acredita na sua #Música e não sua expressão, mas que conforme o tempo passou, os membros dos Immortal acabaram por se afastar. Não exclui a hipótese de se voltarem a juntar novamente mas que agora está completamente focado em seguir o seu próprio caminho.

A estreia de Abbath está prevista para ser lançada no início de 2016 através da Season Of Mist.