Bruce Springsteen, acompanhado pela The E Street Band, está de regresso ao nosso país onde irá actuar no Rock in Rio Lisboa, no dia 19 de Maio. Tal obrigou a organização a alterar o calendário do festival de modo a garantir a actuação do músico norte-americano, avançou hoje em comunicado de imprensa. Com este regresso, a organização do Rock in Rio Lisboa alterou as datas do festival, recuando um dia, ou seja, decorrerá nos dias 19, 20, 26, 27 e 28 de maio.

Depois de ter estado presente em 2012, onde actuou para mais de 80 mil pessoas, Springsteen surgiu em palco durante o concerto dos Rolling Stones, com quem cantou o tema “Tumbling Dice” de guitarra na mão juntamente com Mick Jagger.

Publicidade
Publicidade

Recorde-se que o cantor norte-americano foi um dos que mais marcou a edição de 2013 do Rock in Rio, em Setembro, realizada no Rio de Janeiro, famosa por ser considerada a cidade do rock. O concerto durtou mais de 2 horas e 40 minutos, tendo o "Boss" tocado todas as músicas do álbum “Born In The U.S.A”, mostrando que,apesar dos seus 62 anos de idade, a fibra de jovem continua no seu sangue e o seu talento se mantém intacto, ao fim de de quase 50 anos de carreira musical.

Foi autor de álbuns como “Born to Run” em 1975, “Darkness in the Edge of Town” em 1978 e “Born in the U.S.A.” em 1984.

Esta nova digressão começou no dia 19 de Janeiro, em Chicago, tendo sido gravado o concerto e depois disponibilizado aos seus fãs através da página oficial do cantor norte-americano, sendo possível realizar o “download” gratuito até amanhã, terça-feira. Recorde-se que Bruce Springsteen actuou pela primeira em Portugal em 1993, no Estádio de Alvalade, em Lisboa, para cerca de 40 mil pessoas.

Publicidade

Constam já no evento as confirmações de Bruce Springsteen & The E Street Band a 19 de Maio; Queen e Adam Lambert no dia 20 de Maio; Hollywood Vampires, Korn e Rival Sons a 27 de Maio e Maroon 5 a encerrar o festival no dia 28 de Maio. Igualmente estarão artistas na zona Eletrónica, Palco Vodafone e Rock Street Brasil. Já não existem passes para o festival, apenas bilhetes diários, com o custo de 69 euros. #Música #Festivais #Concertos