Numa altura que se fecham os cartazes dos melhores festivais de música do país, apresentamos a #História das rádios piratas, onde muitos dos grandes músicos dos anos 60 e 70 se tornaram ícones. O navio Caroline saiu da Irlanda para o Mar do Norte no domingo de Páscoa de 1964, nascendo assim a primeira rádio clandestina da história. A ideia surgiu a Ronan O'Rahilly, agente em Londres, que não conseguia que os artistas que representava fossem passados na BBC, que detinha o monopólio da rádio e televisão. Foi então que Ronan comprou um navio e equipou-o com transmissores de rádio. Ao transmitir de um navio, nenhuma lei estava a ser transgredida, após o surgimento do Wireless Telegraphy Act em 1949, que proibia a transmissão não licenciada em território britânico.

Publicidade
Publicidade

Embora sendo tecnicamente ilegal por não ser licenciada por qualquer governo, o navio permanecia ancorado em águas internacionais no Mar do Norte, de forma a não interferir com o Marine Broadcasting Offences Act (1967), que tornou ilegal qualquer associação de uma pessoa ou entidade britânicos a rádios não licenciadas no país. 

Em 1967, 3 anos após o lançamento da Radio Caroline, cujo slogan era Rocking around the world (rockando pelo mundo), eram já 10 as rádios a transmitir desde navios, tendo uma audiência de entre 10 e 15 milhões de pessoas no Reino Unido. O termo "rádio pirata", que se dá às emissoras clandestinas, vem do fato de operarem "fora da lei" em navios em águas internacionais. 

Se estas rádios não eram licenciadas, como conseguiam o dinheiro para se manterem em funcionamento? Só em 1966, as rádios piradas conseguiram cerca de £2 milhões em publicidade.

Publicidade

Apesar do Marine Offences Act, as empresas britânicas continuaram a financiar as rádios piratas através das suas subsidiárias noutros países.

A ideia de uma rádio num barco já existia desde 1960, altura em que a Radio Veronica, uma rádio independente, se instalou em águas holandesas no navio Borkum Riff. O financiamento veio do comércio de eletrodomésticos, que queria estimular as vendas e apresentar uma alternativa às rádios existentes. A Radio Veronica tornou-se a rádio mais ouvida na Holanda até ao seu encerramento em 1974.

O filme Pirate Radio (2009) retrata o ambiente da Radio Rock, onde um grupo de fanáticos decide criar uma rádio pirata para disseminar a cultura do Rock and Roll.

  #Música #Curiosidades