A #História foi revelada pela Revista Super Interessante. As tulipas, flores que ainda hoje são uma imagem de marca da Holanda, foram alvo de um mega-negócio especulativo no século XVII. O negócio chegou também a outros países (como a França). Neste artigo, ainda que de forma resumida, focamos especialmente esta fraude na Holanda.

"Pagar por uma flor o preço de um apartamento no centro da cidade? Embora pareça inacreditável, os holandeses do século XVII chegaram a esse limite pouco antes de rebentar aquela que se tornou conhecida como a primeira bolha financeira da história: a crise das tulipas", conta a revista Super Interessante. 

O embaixador holandês na Turquia, Ogier de Busbecq, deixou-se encantar pelas flores que se encontravam na sua zona de residência em Constantinopla.

Publicidade
Publicidade

Quando regressava ao seu país natal, à Holanda, oferecia tulipas como prenda a figuras ilustres.

O povo holandês começou também a conhecer e a admirar as tulipas e viu que podia ser um negócio acessível e lucrativo para as suas bolsas. Inicialmente, um bolbo custava 20 florins, mas não tardou muito a chegar aos 225 florins. Contudo, houve espécies que chegaram a ser vendidas por preços muito superiores: a Amarillo Croenen chegou a ser vendida por 1200 florins! A Semper Augustus chegou a atingir os 6000 florins! Todos estes dados assumem ainda contornos mais impressionantes, quando se tem a noção de que, em média, o salário na Holanda rondava entre os 200 e os 400 florins! 

O botânico Carolus Clusius terá sido o primeiro a dar elevadas quantias para adquirir um bolbo de tulipa.

A loucura no negócio das tulipas era cada vez maior.

Publicidade

Em 1636 e 1637, surgiu o chamado Windhandel ("negócio do vento"). Tratava-se de um negócio em que o cliente adquiria os direitos de um bolbo (ainda antes de este existir) e o vendedor dava a sua palavra de honra de que a "encomenda" seria entregue ao comprador na primavera.  Na verdade, a promessa do vendedor raramente era cumprida. Os supostos direitos que o cliente tinha adquirido eram vendidos a outros interessados.  

Os vendedores, assustados com a história, tentavam então desfazer-se dos bolbos a preços muito mais baixos. A falência estava a caminho para muitos dos investidores neste negócio! A bolha tinha explodido!  #Curiosidades