O Festival Marés Vivas está prestes a arrancar. A 13ª edição tem lugar nos dias 14, 15 e 16 de Julho no mesmo local das edições anteriores, Praia de Cabedelo, em Vila Nova de Gaia. A abertura de portas está agendada para as 17h e os #Concertos têm início marcado às 17.30 no palco Santa Casa. O preço dos bilhetes é de 35€ (diário), 60€ (passe de 3 dias) e 150€ (passe VIP de 3 dias).

Na conferência de imprensa que antecede habitualmente o Festival, Jorge Lopes, Director da PEV (organizadora do evento) afirmou que será uma edição marcada por tentar conseguir novos recordes. Este ano com a meta nos 90 mil festivaleiros, esperando-se então a lotação máxima de 30 mil por dia.

Publicidade
Publicidade

A conferência de imprensa contou com a presença do Presidente da Câmara de Gaia, que reforçou o seu apoio ao festival e também dos artistas Dengaz, que se vai estrear no  Festival Marés Vivas, e Jimmy P que, após um óptimo concerto no Palco Santa casa em 2015, tem este ano lugar no palco principal, o Palco Meo .

Com um cartaz muito eclético e que agrada a todas idades, este  ano a maior atração será sem dúvida Elton John, sem esquecer os outros grandes nomes como James e Rui Veloso, que já não são novidade na praia de Cabedelo, bem como os estreantes nos palcos do Marés Vivas: James Bay, D.A.M.A., entre muito outros.

O Festival Meo Marés Vivas distribui-se por 4 palcos. O Palco Santa Casa é o primeiro a ganhar vida, com concertos às 17.30h. Neste palco vive-se a #Música até cerca das 22h/23h (depende dos dias).

Publicidade

Vai contar com artistas como Plus Ultra, Diana Martinez, Glockenwise, etc.

Por volta das 19h (20h no Sábado) sobem as primeiras bandas ao Palco Meo. Este palco vai contar com a presença de 13 artistas, entre os quais Beth Orton, Kelis, Kodaline, James, Rui Veloso e Elton John. Este último alterou o horário do seu concerto, que estava agendado para as 22h, para as 21h, por querer alargar a duração do concerto

O terceiro palco ao dispor será o Palco Caixa, destinado aos artistas de comédia que têm a tarefa de fazer rir o público e proporcionar momentos de descontração. Neste palco podem ver nomes como Eduardo Madeira, António Raminhos, Francisco Menezes, entre muitos outros.  Depois dos concertos a animação continua no Moche Room com vários djs.

Tudo razões para que seja mais uma edição de sucesso e completamente esgotada, continuando a ser o festival internacional mais barato e com a melhor vista. #Festivais