O artista plástico Agostinho Santos está a comemorar 30 anos de carreira. Para assinalar a data foi inaugurada uma exposição retrospetiva em Gaia, que está patente em quatro polos: Galerias Diogo de Macedo, Antiga Esquadra da PSP (ambas até 31 de dezembro), Arquivo Municipal Sophia de Mello Breyner e Reservatório de Água da Rasa (até 8 de dezembro).

Foi também lançado um livro alusivo na Casa-Museu Teixeira Lopes, com a chancela da Âncora Editora. A apresentação esteve a cargo da historiadora de arte Laura Castro. A mulher, a intervenção social e a #Literatura são os três pilares de referência da obra de Agostinho Santos, cuja primeira exposição se realizou em 1987.

Publicidade
Publicidade

A exposição contempla obra de pintura, desenho, escultura, cerâmica, instalação, #Livros de artista e ainda poesia visual.

A exposição tem como curador Humberto Nelson. Podem ser encontrados textos de Albano Martins, Amadeu Baptista, Armando Coelho, Eduardo Vítor Rodrigues, Ilda Figueiredo, Isabel Rio Novo, Leonor Soares, Mário Cláudio, Miguel Miranda, Rui Lage, Sérgio Almeida, Valdemar Cruz, Valter Hugo Mãe e Vítor Pinto Basto.

Agostinho Santos é ainda escritor e jornalista. No campo das #Artes plásticas realizou mais de 50 exposições individuais em Portugal, Espanha, Brasil e Índia. Participou ainda em centenas de exposições colectivas.  

Agostinho Santos foi também diretor da Bienal de Arte de Gaia (realizada em 2015) e da Onda Bienal, que antecede a II Bienal de Gaia, que se vai realizar em 2017.

Publicidade

O planeamento já está em curso. A grande novidade prende-se com a realização de uma colaboração com a Bienal de Cerveira, que resultará numa permuta de trabalhos entre os dois eventos. Está também prevista a participação de artistas internacionais.

A Onda Bienal contou, entre outros eventos, com uma exposição de fotografia de António Pereira de Sousa intitulada "25 de Abril a Norte" e ainda com uma mostra antológica de Nadir Afonso. Assinalou-se, também, o regresso da "Gaiarte", um evento solidário que contou com a participação de 120 artistas plásticos.