Os gregos identificaram e registaram “as sete coisas dignas de serem vistas” do mundo antigo. O que designamos atualmente por 7 maravilhas do mundo, foram grandes imponentes e belas obras projetadas pelo ser humano. Infelizmente, só uma dessas maravilhas conseguiu resistir ao tempo e é hoje passível de ser admirada. Veja, de forma resumida, mais informação sobre os maiores monumentos da antiguidade.

Estátua de Zeus

Situava-se na Grécia, em Olímpia (sendo que, nos últimos anos da sua existência, a estátua terá sido movida para Constantinopla, a actual Istambul, onde terá acabado por ser destruída). É uma obra do século V a.C.

Publicidade
Publicidade

O seu autor foi Fídias. Embora não existam certezas, a construção do monumento terá durado 8 anos. De acordo com o site sohistoria, "A estátua media entre 12 a 15 metros de altura - o equivalente a um prédio de cinco andares - e era toda de marfim e ébano".

O Colosso de Rhodes

Era uma grande estátua em homenagem deus grego Hélios, situada na ilha grega de Rodes. O escultor Carés de Lindos terminou a obra em 280 a.C. Suspeita-se que deveria ter 30 metros de altura, pesando 70 toneladas (de bronze). Um terramoto acabou por destruir o monumento.

Templo de Ártemis (ou Templo de Diana)

Situado em Éfeso, este Templo homenageava a deusa grega com o mesmo nome. Dava nas vistas pela sua dimensão. O Templo de Ártemis tinha 138 metros de altura e 71,5 metros de largura. As obras tiveram início no ano 550 a.C.

Publicidade

e só foram concluídas... 200 anos depois! Os arquitetos foram Quersifrão e Metagenes (pai e filho, respetivamente).

O Templo de Ártemis foi alvo de duas destruições. A primeira deveu-se a Heróstrato, um grego que pretendia atingir a imortalidade, em 356 a.C, e que incendiou o templo. Alexandre III da Macedônia financiou a recuperação do Templo (que demorou 20 anos). A segunda (e mais grave), remonta ao século III d.C. em 262, na sequência de ataques à Ásia Menor e na península balcânica, os Godos arrasaram o Templo de Ártemis.

Mausoléu de Helicarnasso

Situado na atual Turquia, surgiu no ano de 352 a.C. Os arquitetos foram os gregos Sátiro e Pítis. As obras duraram 10 anos e, o principal objetivo era acolher o túmulo do rei persa Mausolo. O monumento tinha dimensões enormes (42 metros de altura). Entre os séculos XI e XV, terremotos arrasaram gradualmente o Mausoléu de Halicarnasso.

Pirâmide de Gizé

É a única maravilha que conseguiu sobreviver ao tempo, chegando aos nossos dias. Situa-se em Gizé (perto de Cairo, a capital do Egito).

Publicidade

Feita à base de pedra, a sua construção começou em 2550 a.C. É neste local que se encontra o sarcófago do faraó Quéops. que deu ordens para criar a pirâmide.

Farol de Alexandria

No ano 280 a.C., por ordem de Ptolomeu, Sóstrato de Cnido arquiteto e engenheiro grego, desenhou a planta de um dos mais impressionantes monumentos do mundo antigo. No Egito, perto da Alexandria, a ilha de Faros acolhia esta torre feita de mármore. Em 1375, um terramoto acabou por arrasar o belo monumento.

Os Jardins Suspensos da Babilônia

Situavam-se na Mesopotâmia, no actual Iraque. No século VI a.C., o rei Nabucodonosor ordenou a construção dos majestosos jardins, para animar a sua esposa, a Rainha Amyitis, que vivia triste por não ter contacto com as montanhas verdejantes do seu território (atual Azerbaijão). Suspeita-se que os jardins tenham sido destruídos pelos persas, por volta do ano 539 a.C. #História #Curiosidades