Anteriormente demos a conhecer os sítios portugueses que são candidatos a Património Mundial da Humanidade. Agora, chegou a vez de revelar os 15 espaços que receberam a distinção da UNESCO. Descubra aqui quais são. Saiba mais sobre estes locais. #Curiosidades

  • Convento de Cristo - Recebeu o título de Património Mundial em 1983. Entre os principais argumentos para a sua nomeação são realçados a janela manuelina e a charola dos templários. Este edifício, que tem claras ligações à Ordem dos Templários, começou a ser construído em 1160.
  • Mosteiro da Batalha - Em 2007 foi reconhecido pela UNESCO. D. João I ordenou a construção do mosteiro em 1386, como forma de agradecimento à Virgem Maria, pela épica vitória portuguesa frente aos espanhóis, na Batalha de Aljubarrota.
  • Mosteiro de Alcobaça - É Património Mundial desde 1989. De acordo com o site Património Cultural, o Mosteiro de Alcobaça é "uma das primeiras fundações monásticas cistercienses em território português. O Mosteiro de Alcobaça tornou-se a principal casa desta ordem religiosa, graças a uma continuada política de proteção régia, iniciada pelo primeiro rei de Portugal, D. Afonso Henriques".
  • Universidade de Coimbra - É Património Mundial desde 2013. É a universidade mais antiga de Portugal e uma das mais antigas da Europa. Foi fundada em 1290 pelo rei D. Dinis. Ali estudaram várias figuras ilustres da #História de Portugal e não só.
  • Vale do Côa - Foi reconhecido como Património Mundial em 1998. De acordo com o site Center of Portugal, o Vale do Côa é “o mais importante sítio com arte rupestre paleolítica de ar livre”. O Vale do Côa tem várias obras rupestres, presentes em cerca de mil rochas, distribuídas em mais de 70 sítios distintos.
  • Floresta da Laurissilva - Desde 1999 que é Património Mundial. Esta floresta localizada na Madeira tem 20 milhões de anos e enquadra-se na Época Terciária (períodos Miocénico e Pliocénico). A nível mundial é um dos raríssimos exemplos ambientais de tão recuados tempos que chegam aos nossos dias.
  • Centro histórico de Angra do Heroísmo - É Património Mundial desde 1983. Esta cidade conta com um vasto arquivo cultural (religioso e civil), tem muitos museus, conventos, igrejas, fortes e castelos. Angra do Heroísmo foi capital de Portugal no século XIX. Entre os séculos XIV e XIX era local de paragem obrigatória nas viagens marítimas.
  • Paisagem da Cultura da Vinha da Ilha do Pico - É Património Mundial desde 2004. A aposta nas vinhas do Pico teve início nos últimos anos do séc. XV, altura que a ilha começou a ser povoada.