Com os principais campeonatos europeus parados - a excepção é a Primeira Liga inglesa - devido às comemorações natalícias, Real Madrid e AC Milan medem forças esta terça-feira à tarde, em partida de cariz amigável, que será disputada no Dubai. O encontro é patrocinado pela Fly Emirates, a principal companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos, e tem transmissão na RTP Informação a partir das 16h em Portugal Continental e Ilha da Madeira. Segundo o jornal Marca, o cachet de presença dos "merengues" é de 4 milhões de euros. O jogo amigável frente aos italianos é o quarto compromisso celebrado entre o Real Madrid e aquele país asiático, depois do embate também amigável frente ao PSG (Janeiro deste ano), do acordo para fins de patrocínio com o Banco Nacional de Abu Dhabi e da parceria com a empresa IPIC, que tem presença no Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid.

Publicidade
Publicidade

Em conferência de imprensa de antevisão do jogo, Carlo Ancelotti, treinador do Real Madrid, mas que na sua passagem pelo Milan venceu duas Ligas dos Campeões (2002/03 e 2006/07), referiu que espera um "bom espectáculo" e mostrou-se honrado por defrontar a sua antiga equipa. Ao lado do técnico italiano estava o espanhol Isco, contratado ao Málaga por 30 milhões de euros no verão de 2013, que não escondeu a satisfação por vestir pela primeira vez a camisola com o escudo de campeão do mundo de clubes. "Estrear a camisola de campeões do mundo será um grande momento, por tudo o que isso significa. É um grande reconhecimento e tivemos que trabalhar bastante para atingir esta condição. Agora, é tempo de desfrutarmos da conquista", observou o médio de 22 anos.

Do lado "rossonero", Filippo Inzaghi, antiga glória do Clube, que desempenha actualmente a função de treinador, procura combater a crise que se instalou no Milan.

Publicidade

Para Inzaghi, o jogo desta terça-feira serve, essencialmente, para "ganhar ritmo competitivo", que permita aos seus pupilos estarem em condições para o regresso à competição interna. "Vamos procurar fazer um bom jogo, uma vez que nas duas últimas partidas antes do interregno [Nápoles e Roma] jogámos muito bem. No dia 6 de Janeiro temos um embate muito importante frente ao Sassuolo e queremos estar em forma", sublinhou.

De referir que o jogo entre "merengues" e "rossoneros" acontece no The Sevens Stadium, que conta com lotação esgotada. São esperadas cerca de 40 mil pessoas nas bancadas, sendo que quem adquiriu ingresso para o jogo desembolsou entre 45 a 335 euros. #Futebol