Jogo dos grandes da jornada de #Futebol, perdendo talvez só para o FC Porto-SL Benfica, entre o terceiro e o oitavo classificados. O Vitória de Guimarães recebia o Rio Ave, consciente de que os dois rivais para a liderança do campeonato vão jogar entre si e pelo menos um deles irá perder pontos. Mas o adversário era o Rio Ave, moralizado pela sua vitória europeia contra o Aalborg e sem poder perder pontos para continuar a sonhar com a revalidação da sua aventura na Liga Europa para a próxima época. E o resultado foi um empate sem golos, que não serve inteiramente os objectivos de nenhuma das equipas mas premeia o esforço da equipa da casa.


O Vitória de Guimarães apresentou-se no seu estádio Afonso Henriques sem muitos dos habituais titulares; nada menos que cinco jogadores ficaram de fora na sequência do jogo com o Sporting de Braga. O Guimarães entrou mais nervoso, mas o Rio Ave não apresentava ideias suficientes para ameaçar a baliza dos homens da casa, tendo criado uma única oportunidade de perigo desperdiçada por Esmael. No início da segunda parte, Rui Vitória fez entrar Crivellaro para o lugar de Caiado e os vimaranenses continuaram a crescer, obrigando o guarda-redes vila-condense Ederson a duas grandes defesas. A partir do meio da segunda parte, a inspiração dos jogadores da casa desapareceu e o Rio Ave começou a surgir mais, com Ukra a conseguir levar a bola ao ferro da baliza de Assis. E mesmo com a bola a estar muito perto da linha de golo vimaranense já em período de descontos, o nulo inicial nunca se alterou. 


A divisão de pontos não serve o interesse de nenhuma das equipas, mas acaba por premiar a resistência e determinação de ambas num jogo que teve bastantes motivos de interesse. O Vitória de Guimarães pode, em caso de vitória do FC Porto, manter-se a 3 pontos da liderança, enquanto o Rio Ave está a 5 pontos do 5º lugar (último lugar de acesso às competições europeias), ocupado pelo Sporting CP, que empatou esta tarde-noite com o Moreirense FC a uma bola. À hora de publicação deste artigo, decorria o FC Porto-SL Benfica.