Não foi simpático o primeiro dia de 2015 para Elisabete Jacinto nas areias marroquinas. Depois da vitória na segunda etapa entre Er Rachidia e Tagounite, a piloto lusa, ao volante do camião do MAN TGS, terminou a prova de hoje no 13º lugar, a 53m30s do vencedor do dia, o belga Jacques Loomans. A performance menos conseguida fez a portuguesa cair de 10º para 13º da classificação geral combinada entre carros e camiões, a 1h09m dos cazaques Yuriy Sazonov e Arsian Sakhimov.

Numa etapa com um total de 525 quilómetros, dos quais 433 eram cronometrados, a equipa lusa da Oleoban, composta também por José Marques Teixeira e Marco Cochinho, é agora quarta classificada nos camiões, categoria que é liderada pelos russos Shibalov/Amatych e Khisamiev.

Publicidade
Publicidade

No segundo posto estão os também pilotos da Rússia Kuprianov e Tanin, pertencendo o terceiro lugar aos checos Tomecek e Lala.

Nas motos, o norueguês Pal Anders Ullevalseter, em KTM, repetiu a vitória de ontem, terminando a especial em 5h58m e com uma vantagem de 34 minutos para o belga Gilles Vanderweynen, também em KTM. O pódio desta 3ª etapa ficou completo com o austríaco Robert Theuretzbacher, que "gastou" mais 36 minutos do que o vencedor. Quanto aos portugueses, Pedro Ribeiro, em Yamaha, foi 13º com 7h28m, logo seguido de Sérgio Castro, em KTM, que fez 7h29m, terminando no 14º lugar. Na geral, a liderança continua na posse de Ullevalseter, que tem agora 1h42 de vantagem sobre Vanderweyen e mais de duas horas sobre Theuretzbacher, que está no terceiro lugar. Esta terceira etapa foi positiva para os lusos, que conseguiram entrar no top-20, com Pedro Ribeiro em 15º lugar, a 9h09m líder, e Sérgio Castro em 16º, com 9h11m, tendo ambos os pilotos duas horas de penalizações agregadas aos seus tempos.

Publicidade

Esta África Eco Race continua amanhã com a quarta etapa (a penúltima em solo marroquino), que vai ligar Assa a As Sakn, num total de 394 quilómetros, 379 dos quais serão cronometrados. Esta especial conta com vários pontos onde as dunas vão marcar presença e na qual a precisão dos condutores será um ponto a ter em conta. #Automobilismo