Há dias em que mais vale nem sair de casa. Terá sido este o pensamento de Darwin Atapuma, categorizado ciclista colombiano que foi assaltado durante o seu habitual treino matinal, em Túquerres, a sua terra natal. O atleta ainda tentou fazer frente aos dois ladrões, mas acabou por ficar sem a bicicleta, tendo sofrido vários cortes na mão, pulso esquerdo e no peito. No entanto, tudo não passou de um susto. O campeão da Colômbia em 2008 está bem, a policia já apanhou os ladrões e Atapuma recuperou a bicicleta, cujo valor comercial ronda os cinco mil euros.

O “alerta” foi dado pelo próprio ciclista através de comunicado oficial, a informar os fãs que os ferimentos vão impedi-lo de treinar durante as próximas semanas.

Publicidade
Publicidade

“El Puma”, como é conhecido no mundo do ciclismo, fez inclusive um resumo na primeira pessoa do ocorrido: “Estava a treinar tranquilamente quando de repente dois homens obrigaram-me a parar de pedalar. Apontaram-me uma faca e exigiram que lhes entregasse a bicicleta. Ainda tentei fazer-lhes frente mas um deles acabou por me ferir na mão e no peito. Foi um episódio muito stressante, foi uma sorte a polícia ter apanhado os tipos.”

A sua actual equipa, a BMC Racing Team, também já reagiu no seu site oficial, dando conta do relatório médico que prevê a paragem total de Atapuma nos próximos 10 dias: “Darwin está bem. Temos previsto o seu regresso à Europa daqui a duas semanas para começar um estágio de preparação em Espanha. Dadas as circunstâncias ele está bem, apenas um pouco abalado psicologicamente”. 

Nono classificado na Volta a Portugal de 2012 e vencedor de uma etapa da Volta à Polónia em 2013, Atapuma esteve em destaque no pelotão mundial na temporada passada, integrando várias fugas, tanto no Giro d' Itália como na Vuelta à Espanha, o que valeu um reforço da sua posição na equipa Norte-Americana BMC Racing Team, que está a preparar a primeira prova do ano a realizar em Fevereiro, o Tour do Mediterrâneo, competição na qual "El Puma" quer marcar presença, para esquecer este dia em que, devia ter ficado em casa.

Publicidade