O momento de forma menos bom de Cristiano Ronaldo nas últimas semanas tem dado largas a muita especulação em Espanha. Esta sexta-feira, o jornal desportivo Marca revela que o principal motivo do "bajón" do craque português é o conhecido problema no joelho esquerdo. No entanto, o treinador Carlo Ancelotti já negou qualquer impedimento físico. Certo é que CR7 vai falhar os próximos dois jogos, por castigo.

"Cristiano Ronaldo está inquieto. O português não consegue encontrar o ponto físico necessário para se sentir cómodo no terreno de jogo e, aproveitando a paragem forçada pela expulsão sofrida em Córdoba, CR7 está à procura do melhor conselho médico possível.

Publicidade
Publicidade

Ronaldo quer recuperar o momento de forma que o seu joelho esquerdo não lhe permite adquirir, devido às moléstias que provoca", escreve o periódico. Por esse motivo, continua o matutino, a estrela merengue pediu a um par de especialistas que analisem em detalhe o seu joelho e submeteu-se a um check-up completo. As exibições menos conseguidas nos últimos jogos terão estado na base desta decisão.

A publicação refere que as moléstias que o melhor jogador do mundo tem sentido no joelho "têm uma origem diferente da já famosa tendinite rotuliana que o impediu de jogar a final da Taça do Rei e condicionou o final da temporada passada, incluindo o Mundial do Brasil". Aliás, "dizem os que o conhecem, Ronaldo está mesmo a mudar a sua maneira de jogar para se proteger um pouco", lê-se no texto: "O seu #Futebol, físico e potente ao máximo, exige que o seu corpo esteja a cem por cento e, neste momento, não está".

Publicidade

Desde o início de 2015, o avançado português só foi poupado na primeira parte do jogo da Taça contra o Atlético. Após a eliminação, confirmou que não era uma máquina e que não se sentia bem, algo que ficou claro nos jogos seguintes, mesmo tendo em conta os dois golos apontados contra o Getafe. Nos últimos meses, Ronaldo tem jogado praticamente como avançado centro, mantendo a sua relação próxima com o golo, mas participando menos no jogo da equipa. As famosas arrancadas, em que levava toda a gente pela frente, pouco se têm visto.

Estas duas semanas sem jogos poderão servir para realizar um plano específico que lhe permita optimizar a forma física. Durante a primeira semana, o goleador luso praticamente não pisou o relvado. Trabalhou no ginásio, procurando todo o tipo de soluções para recuperar a forma.

Cristiano Ronaldo é o segundo jogador com mais minutos no plantel do Real Madrid (2.600), apenas atrás de Kroos (2.648). Esta temporada só falhou três jogos: contra a Real Sociedad, na primeira volta, e os dois confrontos da Taça frente ao Cornellà.

Publicidade

Com esta nova paragem, pretende recuperar-se de todos os problemas que o perseguem, incluindo alguns assuntos pessoais, como o fim da relação com Irina Shayk.

O treinador Carlo Ancelotti desvaloriza o assunto: "O problema do tendão está totalmente recuperado. Pode ser que não esteja no máximo, mas eu vejo-o sempre no máximo. Não é verdade que tenha um problema físico. Vai aproveitar este momento para estar no máximo quando voltar. Não tem nenhum problema, nem no joelho nem noutras zonas do corpo. Trabalha normalmente para estar pronto contra o Atlético".