Já chegou ao Funchal o mais recente reforço do Marítimo. Trata-se do brasileiro Cristian Alex, de 21 anos. Pertence aos quadros do Cruzeiro e chega à Madeira através do protocolo entre o Marítimo e o emblema alvi-celeste. É o terceiro ex-Cruzeiro a desembarcar na Madeira neste mercado de Inverno.

Cristian Alex da Silva Santos, conhecido no #Futebol apenas por Cristian Alex, junta-se assim aos reforços Éber Bessa e Antônio Carlos, que também chegaram ao Marítimo provenientes do Cruzeiro. Cristian estava emprestado ao Phuket, da Tailândia, onde era colega de equipa de Éber Bessa.

Com 21 anos, o atleta actua preferencialmente na posição 10.

Publicidade
Publicidade

Sem espaço na equipa principal do bi-campeão brasileiro, Cristian foi emprestado ao tailandeses do Phuket assim que deixou de poder jogar pela equipa de sub-20 dos brasileiros.

O Marítimo assegura assim mais um reforço para o ataque à segunda metade da Liga e também à Taça da Liga, competição onde os madeirenses estão já qualificados para as meias-finais, tendo conhecido ontem o adversário. O Marítimo defronta o FC Porto nos Barreiros. Cristian Alex (ex-Cruzeiro) junta-se a Raul Silva (ex-Figueirense), Ebér Bessa (Ex-Phuket / Cruzeiro) e Antônio Carlos (ex-Cruzeiro) aumentando a armada brasileira ao serviço do emblema verde-rubro.

O Marítimo anunciou ontem também que Maazou vai sair para um clube chinês, pelo que é de esperar que este protocolo entre Marítimo e Cruzeiro ainda possa levar mais algum jogador dos quadros do emblema brasileiro para os leões.

Publicidade

Maazou vinha sendo um dos destaques do Marítimo e mesmo da Liga, onde era o segundo melhor marcador, só atrás do portista Jackson Martinez. O avançado do Níger apontou nove golos no campeonato, um na Taça e outro na Taça da Liga.

O avançado de 26 anos será jogador do Hangzhou Greentown, onde irá substituir o brasileiro Anselmo Rámon, que saiu do emblema chinês para representar o Cruzeiro. Em Portugal tinha já representado o Vitória de Guimarães e, apesar de jovem, já passou por clubes com o Mónaco (França), Bordeaux (França), Lokeren (Bélgica), CSKA Moscovo (Rússia), entre muitos outros.