Paços de Ferreira e #Benfica defrontam-se esta segunda-feira à noite, às 20h, na Mata Real. Os comandados de Paulo Fonseca chegam ao embate frente ao campeão nacional com um score de quatro derrotas e um empate nos últimos cinco jogos, ao passo que os "encarnados" estão numa série de nove vitórias consecutivas para o campeonato. Depois da derrota do Futebol Clube do Porto nos Barreiros, um triunfo do Benfica em Paços de Ferreira pode colocar os "dragões" a uma distância de nove pontos do primeiro lugar. Deste modo, o jogo de hoje pode ser decisivo para a atribuição do título de campeão nacional 2014/2015.

Do lado dos "castores", Paulo Fonseca sublinhou, na conferência de imprensa de antevisão do encontro, que o "Benfica está com saúde invejável", e que tem a perfeita noção das dificuldades imensas que o Paços de Ferreira vai ter pela frente.

Publicidade
Publicidade

É que as redes "encarnadas" não têm contacto com a bola há sete jogos. Jorge Jesus, por seu turno, frisou que prefere entrar em campo depois dos adversários, "porque sabemos, quando partimos para o jogo, aquilo que podemos esperar". No Benfica desde 2009, Jorge Jesus, de 60 anos, não espera facilidades, pois tem noção que se trata "de um jogo difícil, num campo tradicionalmente complicado". Porém, o técnico do Benfica deixou o aviso: "Queremos realizar uma segunda volta de acordo com o que fizemos na primeira".

O Benfica é, neste momento, a equipa que apresenta mais vitórias e pontos fora de portas, 8 e 24, respectivamente. Recorde-se que a última derrota do actual campeão nacional na Mata Real aconteceu a 7 de maio de 2006, por três bolas a uma. Desde então, entre jogos para o Campeonato, Taça de Portugal e Taça da Liga, os "encarnados" venceram nove embates e empataram outro.

Publicidade

A estatística diz-nos ainda que, em seis jogos, Paulo Fonseca nunca venceu o Benfica. Por outro lado, Jorge Jesus saiu vitorioso nas últimas oito deslocações a Paços de Ferreira, em partidas para a liga portuguesa, ao comando do Benfica, Braga e União de Leiria. Os dados estão lançados.

"Onzes" prováveis:

Paços de Ferreira: Defendi; Hélder Lopes, Ricardo Ferreira, Ricardo e Jailson; Sérgio Oliveira e Seri; Hurtado, Ruben Pinto e Minhoca; Bruno Moreira.

Benfica: Júlio Cesar; Eliseu, Jardel, Luisão e Maxi Pereira; Samaris, Talisca, Ola John e Salvio; Jonas e Lima. #Futebol