Noite gelada no Estádio Alvalade XXI, onde só os muitos golos da formação da casa, o #Sporting, aqueceram um bonito de ambiente de festa. O destaque vai para os mais de mil adeptos nortenhos que vieram a apoiar o Famalicão, equipa que actualmente luta pela subida de divisão juntamente com o emblema histórico do nosso #Futebol, o Varzim, na série B do Campeonato Nacional de Séniores, antiga 3ª Divisão Nacional. A equipa leonina apresentou-se com algumas mexidas no que diz respeito ao onze habitualmente escolhido pelo treinador Marco Silva. Apesar disso, o Sporting controlou praticamente o jogo durante os 90 minutos, desenvolvendo jogadas e pautando o ritmo de jogo em vários momentos da partida.

Publicidade
Publicidade

Destaque ainda para a grande penalidade falhada pelo ponta de lança do Sporting, Fredy Montero, e que  proporcionou uma defesa bem vistosa do guardião do Famalicão, Vítor Murta.

A maior parte dos golos surgiram no segundo tempo. Porém, o primeiro surgiu por intermédio de Carrillo, aos 34 minutos da primeira parte. O médio internacional português, João Mário, dilatou a vantagem logo a seguir ao intervalo (48m). O defesa central, Paulo Oliveira (69 m) e o avançado colombiano, Fredy Montero (75 m) fizeram também eles a festa do golo e fixaram o resultado final em 4-0 a favor da equipa leonina.

Eis o onze inicial chefiado pelo técnico luso, Marco Silva. Marcelo Boeck; Miguel Lopes, Paulo Oliveira, Tobias Figueiredo e Jonathan Silva; William Carvalho e João Mário; André Carrilho, Carlos Mané, Junya Tanaka e Fredy Montero.

Publicidade

Jogaram também Ricardo Esgaio, Oriol Rosell e Daniel Podence.

O Famalicão, orientado pelo português, Daniel Ramos, escalou os seguintes jogadores que entraram de inicio em Alvalade: Vítor Murta; José Vilaça; José Palheiras, Jorge Miguel e Joel Monteiro; Mércio Silva, Éder Diego, Vitor Lima, Diego Medeiros; Pedro Correia e Diogo Torres. No decorrer do encontro entraram também em campo: Daniel Marques, Chico Fernandes e Feliz Vaz.

Com este resultado, o Sporting chega às meias finais da Taça de Portugal, duas temporadas depois. Termina agora a presença de equipas de escalões secundários em prova.

Nos outros resultados, destaque para a goleada das antigas do Sporting de Braga ao Belenenses, 7-1. Um resultado que já não se vê há muito tempo. O Rio Ave, por sua vez, levou a melhor sobre o Gil Vicente por claros 5-2.

Amanhã joga-se o dérbi da Madeira num sempre escaldante duelo entre o Marítimo e o Nacional. Quem vencer joga com o Sporting nas meias finais, ao passo que o Rio Ave mede força com o outro Sporting em prova, desta feita de Braga.