O empate a dois na primeira mão deixava tudo em aberto para o segundo jogo mas, à passagem do quarto de hora, a vida do Athletic de Bilbau ficou mais difícil devido a uma grande penalidade. Um momento de precipitação de Carlos Gurpegui, defesa central experiente e capitão da equipa, resultou numa entrada imprudente e o árbitro do encontro nem sequer hesitou no momento de apitar. Fabio Quagliarella, avançado que já passou pela Juventus, Fiorentina e Nápoles, mostrou que quem sabe nunca esquece: aos 32 anos continua a ser determinante e, com alguma sorte à mistura, bateu o guarda-redes, que ainda tocou na bola.

Os últimos instantes da primeira parte foram de grande emoção.

Publicidade
Publicidade

Aos 44 minutos Andoni Iraola fugiu à marcação do lateral esquerdo e agitou as redes. De destacar o mérito da visão de jogo de Beñat Etxebarria, o médio ofensivo basco e internacional da seleção de Espanha, que soube ler a desmarcação de Iraola e lançou assim o defesa direito para o golo.

Contudo, o Torino não acusou a pressão e logo a seguir marcou por Maxi Lopez, outro veterano a fazer a diferença. Os anos podem passar, mas o avançado mantém um jogo de cabeça letal. O cabeceamento à queima-roupa não permitiu uma reação eficaz por parte do guarda-redes.

Milhares de adeptos do Torino fizeram questão de acompanhar a equipa até ao país basco e foram, claramente, o décimo segundo jogador. Na segunda metade, o Athletic de Bilbau voltou a incomodar os italianos e igualou a partida e a eliminatória.

Publicidade

Óscar de Marcos, aos 61 minutos deixou, novamente, tudo em aberto. Destaque para o trabalho de Iker Muniain, que fez um passe a "rasgar" a defesa do Torino, seguida de uma finalização simples e perspicaz do médio, tendo a bola passado por entre as pernas do guarda-redes.

Contudo, a equipa italiana viajou com uma atitude guerreira e sete minutos depois regressou à vantagem. O golo do internacional italiano Matteo Darmian decidiu a eliminatória: com um remate de primeira deitou por terra o esforço do Athletic. Os italianos foram mais felizes na noite chuvosa de Bilbau, já a formação da casa pagou caro pelos erros defensivos. Os italianos continuam a brilhar na Europa e prometem dar muito trabalho a qualquer equipa nesta competição. #Futebol