Entrou com o pé direito o Lusitano na fase de subida da Zona Norte, depois de receber e vencer o Mirandela por 1-0. Frente a uma equipa que é apontada como favorita a lutar pela promoção, os trambelos foram mais eficazes e souberam defender bem a vantagem mínima. Trinta foi o herói da tarde, ao apontar o único golo do jogo já perto do intervalo. No entanto a primeira oportunidade pertenceu à equipa treinada por Rui Amorim, logo aos 3 minutos, quando Welligton falhou de forma escandalosa o golo de baliza aberta, depois de Nuno Ricardo ter entregue a bola ao adversário. Este seria o prenúncio do mau jogo do ponta de lança do Mirandela. Refeitos do susto inicial, os homens da casa começaram a tomar conta das operações a meio campo, com saídas rápidas para o ataque, quase sempre apostando na rapidez de Zé Rui que fez a cabeça em água ao lateral David.

Publicidade
Publicidade

Com mais bola e já depois de Hugo Pires e Costinha terem posto à prova o guardião Pedro Fernandes, o Estádio dos Trambelos explodiu de alegria aos 42 minutos, quando Trinta aproveitou um mau alívio da defensiva do Mirandela, para fazer com um remate rasteiro mas colocado o 1-0 para o Lusitano. Estava garantida a vantagem que já se justificava em Vildemoinhos. Com pouco tempo para o intervalo, reagiu bem a turma forasteira, e logo na jogada seguinte, Wellington apareceu na cara de Nuno Ricardo, mas atirou ao lado, perdia o avançado brasileiro, mais uma oportunidade para fazer o gosto ao pé.

O segundo tempo voltou a ter um Mirandela a entrar melhor, com Rodolfo Simões a rematar cruzado para uma boa intervenção do guarda-redes do Lusitano, mas esta acabou por ser uma das poucas ocasiões que os alvi-negros dispuseram nos segundos 45 minutos.

Publicidade

Com Sérgio Duarte e Trinta incansáveis na batalha do meio campo, os trambelos apostaram no contra ataque através da velocidade de Costinha e Vieirinha, mas sem grandes consequências para a baliza do Mirandela. Rui Amorim ainda tentou apostar mais no ataque com as entradas de Yomi e Gerson, mas a tarde desinspirada de Welligton voltou a estar em destaque quando, já depois do minuto 90, voltou a falhar na cara de Nuno Ricardo.

Logo de seguida, Jorge Faustino dava por terminada a partida, confirmando os 3 pontos para o Lusitano que fica assim na liderança partilhada desta Zona Norte do Campeonato Nacional de Seniores, juntamente com Varzim e Famalicão que venceram os respectivos jogos em casa frente a Sousense (3-2) e Fafe (2-1). No outro jogo da ronda, Cesarense e Salgueiros 08 empataram a zero. A próxima jornada vai ter os seguintes encontros: Salgueiros 08 – Lusitano; Fafe – Cesarense; Sousense – Famalicão e Mirandela – Varzim. #Futebol