Bastou um golo de Brahimi aos 31 minutos, da primeira parte, para que os azuis e brancos levassem a melhor sobre um Guimarães que só conseguiu mostrar as suas qualidades no segundo tempo. Apesar disso, são três pontos importantes na luta pela reconquista do título de campeão por parte do FC Porto. Esta é a décima quarta vitória no campeonato por parte dos dragões que ficam agora com 49 pontos, a um do Benfica que segue em primeiro e irá medir forças com o Vitória de Setúbal no Domingo.

Num jogo disputado no Estádio do Dragão, houve duas partes completamente distintas. A primeira parte teve a equipa da casa a pressionar e a criar diversas ocasiões de golo que não tiveram o melhor seguimento.

Publicidade
Publicidade

Apesar disso, o atacante internacional argelino voltou a ser titular e a fazer o gosto ao pé quando o ponteiro do relógio passava pelo minuto 31. Depois do golo os dragões tentaram fazer mais golos mas tal não foi possível. Ao intervalo, nota para os aplausos por parte dos adeptos da casa que estavam contentes com a exibição dos comandos pelo técnico espanhol, Julen Lopetegui.

A segunda parte mostrou um Vitória (de Guimarães) mais atrevido, embora sem agressividade. Oportunidades de golo iminente foram poucas apesar dos intentos e das indicações que Rui Vitória foi dando ao longo dos "segundos 45 minutos". O destaque negativo do jogo vai para a entrada dura do avançado vimarenense Cafú sobre o médio portista e internacional brasileiro, Casemiro. Uma entrada que podia ter partido a perna ao jogador portista e que fez com que o árbitro do encontro, Nuno Almeida, mostrasse somente um amarelo ao jogador da formação forasteira.

Publicidade

O outro destaque vai para estreia do extremo português, Hernâni, recente contratação do FC Porto, curiosamente à equipa que defrontou nesta noite de sexta-feira - o Vitória de Guimarães.

Para a história fica mais um triunfo portista nesta 21.ª Jornada da Liga NOS antes do embate para a Liga dos Campeões, com o Basileia do português Paulo Sousa. Os azuis e brancos entraram com o seguinte onze: Fabiano; Danilo, Maicon, Marcano e Alex Sandro; Casemiro, Herrera e Óliver; Ricardo Quaresma, Brahimi e Jackson Martinez. Jogaram ainda Rúben Neves, Tello e Hernâni. O Vitória de Guimarães jogou inicialmente com: Assis, Bruno Gaspar, Josué, João Afonso e Breno; Cafú, Bouba Saré, Sami e Bernard; Alex e Jonatan Álvez. No decorrer do encontro entram: Nassim, Gui e Tomané. #Futebol