Na última conferência de imprensa, o treinador holandês do Manchester United, Louis Van Gaal, falou dos primeiros tempos de vida e trabalho em Inglaterra. van Gall aproveitou ainda recordar os tempos em que trabalhou com o actual treinador do Chelsea, José Mourinho, aproveitando para o elogiar.

Após o jogo dos red devils com o Burnley, o técnico holandês mostrou-se incomodado com os assobios vindos dos adeptos do emblema que defende. "Esta foi a primeira vez que ouvi assobios vindos da bancada. Para além de surpreendido, estou bastante preocupado porque, jogo a jogo, estamos aqui para dar espectáculo e vencer os nossos adversários; para no fundo dar alegrias aos nossos adeptos, até porque são o elo fundamental aqui no Manchester United", afirmou.

Publicidade
Publicidade

"Ainda assim fiquei satisfeito porque acabaram o encontro com aplausos. Porém tenho de admitir que jogámos mal, apesar da vitória diante deste difícil adversário, o Burnley", continuou Van Gaal. Tudo aconteceu no intervalo do jogo entre o Manchester United e o Burnley, quando a equipa até estava a vencer; porém, os adeptos não estavam a gostar da exibição, mostrando o seu desagrado com fortes assobios à formação orientada pelo antigo seleccionador da Holanda.

Quando questionado sobre os tempos em que trabalhou com José Mourinho, o holandês falou sobre porque resolveu ficar com o técnico português do seu lado, quando chegou a Barcelona para orientar os destinos do emblema da Catalunha no ano de 1997, então para substituir o inglês Bobby Robson.

"O José Mourinho defendia Bobby Robson como se da vida própria vida se tratasse.

Publicidade

Gostei imenso dessa lealdade, algo raro nos tempos que correm. Não tive outra hipótese se não perguntar-lhe directamente se queria ficar a trabalhar comigo. Ele aceitou. Tive sorte pois ele era o homem que faltava na minha equipa técnica", disse.

"Aquela garra e fúria que mostrava e ainda mostra em cada dia de trabalho, foi o suficiente para me convencer que estava ali alguém muito especial neste mundo especial, que é o #Futebol. Até o modo como fala é algo raro nos tempos que correm. Mas a fidelidade demonstrada com Bobby Robson, ficou para sempre na retina. O José tem uma atitude muito profissional e muito fantástica. Merece tudo de bom nesta vida", finalizou.