Um jogo que se apresentava à partida fácil tornou-se deveras problemático para o Desportivo de Tondela, que conseguiu uma vitória por apenas 1-0, frente ao penúltimo classificado, o Marítimo B. Com uma entrada inicial fulgurante, a equipa da casa dava mostras de querer fazer rapidamente o golo e partir para uma tarde descansada, frente a um adversário teoricamente acessível.

O Tondela apresentou-se com um onze inicial algo diferente do habitual, com a chamada de Tiago Barros e Pedrosa, jogadores menos utilizados por Quim Machado. E foi mesmo Tiago Barros quem mais se evidenciou no início de jogo, com passes milimétricos para as alas onde estavam Amar Zildzovic e Carvalhas, ambos numa tarde algo desinspirada, o que levou a que acabassem por ser substituídos.

Publicidade
Publicidade

Logo ao minuto 16, Fábio Pacheco fez o golo do Desportivo de Tondela num remate bem colocado. No entanto, o infortúnio bateu à porta do médio num choque casual, que ditou a sua saída prematura. Este foi o momento do jogo, já que a partir dessa altura a equipa da casa perdeu o seu fio de jogo, permitindo alguns espaços ao Marítimo.

O intervalo não serviu para o Tondela resolver os problemas no meio campo, ainda que Quim Machado tenha alterado algumas peças, nomeadamente com a entrada de Pica para a frente da defesa e apostando na velocidade de Renato Santos, na ala esquerda. Com o desacerto da equipa da casa, o Marítimo começou a acreditar que podia pontuar em Tondela e, numa jogada muito duvidosa na área da casa, ficou a sensação que o árbitro Nuno Almeida não marcou uma grande penalidade a favor dos insulares, apesar de, minutos antes, parecer ter havido mão na bola na área maritimista.

Publicidade

O Tondela acabaria "com o coração nas mãos", conseguindo ainda assim os três pontos que lhe valem a manutenção no 3º lugar da 2ª Liga. Com o empate do Freamunde no sábado frente ao Sporting B e com a vitória do Desportivo de Chaves frente ao Feirense, a classificação dianteira está ao rubro, com o comando a pertencer agora aos flavienses com 57 pontos, seguidos por Freamunde e Tondela, com 55. #Futebol