Numa partida interessante para o espectador, o FC Porto conseguiu ser mais forte, apesar de ter jogado com dez elementos durante quase todo o jogo. O momento chave do jogo, foi sem dúvida a expulsão do guardião Fabiano, que cometeu uma falta para vermelho, após uma saída precipitada que acabou no derrube do médio, Rui Sampaio. Ainda assim, os portistas não deixaram de conseguir os três pontos. Mantêm assim a distância para o rival SL Benfica na Liga NOS de futebol, que venceu neste sábado por 2-0 o Sporting de Braga.

Com a expulsão de Fabiano, Helton entrou para o seu lugar, ao substituir o defesa direito da noite, Ricardo por causa da lesão de Danilo. Quase um ano depois, o guarda-redes internacional brasileiro regressou aos palcos da 1ª Liga. A partir desse momento, e dada a boa arrumação verificada pelo treinador espanhol, Julen Lopetegui, os azuis e brancos foram mais felizes e marcaram ainda na primeira parte, ao minuto 32, quando o avançado camaronês Aboubakar fez o único golo do encontro. O golo veio a garantir o triunfo que garante o FC Porto na luta pelo título de campeão nacional com o Benfica,  #Futebol #F.C.Porto



O segundo tempo, foi mais do mesmo. O FC Porto manteve a toada atacante, mas sem sucesso. Os dragões queixaram-se ainda de dois lances dentro da área, um dos quais uma clara grande penalidade - Ricardo Quaresma foi pontapeado na cabeça. O FC Arouca mostrou pouca agressividade e, na pouca que mostrou, Helton mostrou segurança e o porquê de ter sido durante muitos anos o titular da baliza portista.


O FC Porto entrou com o seguinte onze: Fabiano; Ricardo Pereira, Marcano, Martins Indi, Alex Sandro; Casemiro, Óliver Torres e Herrera; Ricardo Quaresma, Brahimi e Vicent Aboubakar. Helton, Rúben Neves e Tello entraram no decorrer da partida.


Pedro Emanuel montou a seguinte equipa inicial para este encontro: Goicoechea; Tomás Dabó, Miguel Oliveira, Diego Galo e Balliu; Rui Sampaio, Nuno Coelho e David Simão; Iuri Medeiros, Roberto e André Claro. Jogaram também: Artur, Pintassilgo e Vuletich.


Eis os resultados da 25ª Jornada:


Marítimo 0-1 Sporting - Adrien Silva, de grande penalidade aos 32m


Académica 2 - 1 Nacional - Marcos Paulo, 29m Lucas Mineiro, 85m / Marco Matias, 95m


Gil Vicente 0 - 1 Moreirense - Gerso, 78m


Penafiel 0 - 2 Rio Ave - Del Valle, 85m e Hassan, 90m


Belenenses 2 - 2 Estoril Praia - Dias, 35m e Pelé, 51m / Balboa, 15m e Tózé, 81m


V. Guimarães 0 - 1 V. Setúbal - Rambé, 51m


Benfica 2 - 0 Sporting de Braga - Jonas, 21m e Eliseu, 76m


Paços de Ferreira 1 - 0 Boavista - Manuel José, 45m