A novidade já vinha a ser "cozinhada" há alguns dias, mas hoje confirmou-se o que todos os envolvidos queriam: Diego Simeone renovou contrato até 2020 com o Atlético de Madrid. O anúncio da extensão do vínculo do técnico argentino - o anterior contrato terminava em junho de 2017 - foi feito com pompa e circunstância, na sala VIP do estádio Vicente Calderón. Assim, afastam-se (ou, pelo menos, acalmam-se) os rumores do interesse de vários clubes nos serviços de "El Cholo", com o Manchester City à cabeça.

Chegado ao Atlético em dezembro de 2011, depois de ter sido jogador do clube madrileno entre 1994 e 1997, Diego Simeone só demorou meia época até conquistar o seu primeiro título, no caso a Liga Europa, vencendo o Athletic de Bilbao por 3-0.

Publicidade
Publicidade

Depois, veio a Supertaça Europeia, quando Falcao e companhia esmagaram (4-1) o Chelsea. No final da temporada 2012/2013, novo troféu: a Taça do Rei, arrecadada em pleno Santiago Bernabéu, frente ao Real Madrid de Mourinho. Seguiu-se uma época quase perfeita, em que o Atlético se sagrou novamente campeão espanhol, ao fim de 18 anos, e esteve a um minuto de conquistar uma inédita Champions. Já no início desta temporada, "vingou-se" dessa desilusão e venceu a Supertaça de Espanha contra o grande rival da cidade.

Por isso, não são de admirar as reações de grande alegria face a esta renovação de contrato, expressas nas redes sociais por parte de adeptos e jogadores. Que o diga o português Tiago, que ganhou nova vida sob a direção do treinador argentino. Sobretudo porque, como referiu hoje o presidente do clube, Enrique Cerezo, "Simeone encarna como ninguém os valores do Atlético de Madrid: paixão, esforço, nobreza, trabalho, solidariedade, coragem, coração...

Publicidade

Já o demonstra desde os seus anos de futebolista, em que se entregou de corpo e alma na defesa das nossas cores".

Numa altura decisiva da época, este poderá ser o tónico que os "colchoneros" precisavam para subirem na tabela da Liga - ocupam o 4.º lugar, neste momento - e, mais uma vez, derrotarem o Real Madrid nesta época, para que continue o sonho de conquistar a Champions. #Futebol