Jorge Jesus é apontado como o próximo treinador do Barcelona, caso Joan Laporta ganhe as eleições e portanto um novo técnico pode chegar à Luz na próxima temporada. Mas, independentemente dessa hipótese, já há nomes na "lista" do #Benfica. Quase todos têm algo em comum: são jovens e terminam os respetivos contratos em 2016. As posições de guarda redes e de lateral podem ser prioritárias neste momento.

Com a possível saída de Maxi Pereira, as águias pensam já noutras opções. Mayke, lateral direito do Cruzeiro Belo Horizonte, tem sido disputado por vários clubes, como Benfica e FC Porto. O empresário do jogador já confirmou o interesse dos "encarnado". O FC Porto, que pode perder Danilo, também pode avançar. O jogador pode custar 6 milhões de euros.

Artur e Paulo Lopes podem cumprir a última época na Luz. Procuram-se assim dois novos guarda-redes. A SAD do Benfica desmentiu a possibilidade, mas o português Marafona, do Moreirense, já foi apontado pela imprensa como uma hipótese. "Tenho lutado muito para chegar cada vez mais longe na minha carreira. Representar o Benfica? É o que qualquer jogador gostaria", disse o guarda-redes à Rádio Renascença.

Para a baliza são falados mais dois nomes: o internacional polaco sub-17, Bartlomiej Dragowski, que tem brilhado no Jagiellonia Bialystok, (clube que atualmente ocupa o 3º lugar da principal liga polaca) e Mattia Perin, guarda-redes internacional italiano, de 22 anos, do Génova.

O jovem avançado português, Dalcio, de 18 anos, que se estreou esta época na 1ª Liga, ao serviço do Belenenses, pode estar em negociações com Benfica. A Juventus de Itália também pode estar interessada. O contrato com o clube do Restelo é válido até 2020; 7,5 milhões de euros é o valor que pode ser pedido.

No Az Alkmaar pode estar mais um potencial candidato a assumir o lugar do uruguaio. Trata-se do sueco Matias Johansson, jogador de 23 anos que já representou a seleção principal do seu país. O agente do jogador já disse ao jornal O Jogo que "o Benfica poderá ser uma opção interessante". Johansson é um dos jogadores em destaque no campeonato.

Também no top das preferências para a eventual sucessão de Maxi está o internacional português Cédric, jogador do Sporting. Cédric negoceia a renovação com o seu clube desde o ano passado; porém, até ao momento não foi alcançado qualquer acordo. O FC Porto também está de "olho" no atleta. Em 2013 o jogador tinha dito ao Diário de Notícias que representar em Portugal outro grande que não o Sporting é algo que está fora de hipótese: "Só conheço o Sporting desde pequenino, é o meu clube do coração e como tal é algo impossível", admitiu. #Futebol