Chegou quase à última hora, mas tem sido um dos elementos chave no #Benfica 2014/2015. Contratado aos espanhóis do Málaga, Eliseu está a ter um rendimento muito positivo, principalmente a marcar golos. Apesar de muitas vezes criticado pelas deficiências defensivas, o canhoto já fez quatro tentos esta temporada, sendo já o segundo melhor lateral esquerdo da era Jorge Jesus. Acima do açoriano apenas está Fábio Coentrão, que fez 8 golos em 2 anos de águia ao peito.

Com quatro golos em apenas 24 jogos oficiais, Eliseu apresenta uma média de 0,17 tiros certeiros por jogo, sendo mesmo o defesa ainda em actividade que jogou, ou ainda joga, no Benfica com melhores números no que a esta estatística diz respeito.

Publicidade
Publicidade

Senhor de um potente remate de meia distância, é exactamente dessa arma que o canhoto natural de Ponta Delgada tem feito uso. Com todos os quatro golos a serem apontados na Primeira liga, destacam-se dois pela importância. O primeiro no Estádio do Bessa, que garantiu na segunda jornada uma vitória tangencial por 0-1, e mais recentemente na passada ronda em pleno Estádio da Luz, em que fez o 2-0 com que os encarnados derrotaram o Sporting de Braga.

"Puxando a fita atrás" e analisando à lupa todos os laterais esquerdos dos últimos seis anos que passaram pelo Benfica, vistas todas as apostas para aquele lado do sector mais recuado das águias desde que Jorge Jesus (JJ) está na Luz, os dados não enganam (tal como o algodão). E ao que aos golos diz respeito, Fábio Coentrão é o lateral canhoto que mais facturou na era JJ.

Publicidade

Com oito golos em 97 jogos de águia ao peito, o agora jogador do Real Madrid saiu dos encarnados com uma média de 0,08 tentos por jogo.

Com uma estatística já bem mais superior está, como lhe dissemos anteriormente, Eliseu. O também lateral adaptado (tal como Coentrão) é já o segundo melhor lateral esquerdo do Benfica dos últimos seis anos. Com uma grande propensão ofensiva, o açoriano tem marcado pela diferença a fazer o gosto ao pé. O facto de ter estado cerca de mês e meio lesionado enaltece ainda mais a veia goleadora encarnada, que aposta claramente no pontapé canhão do ex-Málaga para fazer tremer as redes adversárias.

Ainda a cumprir a primeira temporada de águia ao peito, Eliseu pode ainda igualar um outro feito que é da pertença de Fábio Coentrão: ser o lateral que mais golos marcou numa só época. Em 2010/2011 o caxineiro fez cinco golos, faltando por isso apenas um tento para que essa marca seja igualada pelo açoriano. Sem convencer lá atrás, tem sido à "lei da bomba" que Eliseu tem dado alegrias aos adeptos da Luz, estando muito perto de assinar a ouro o seu nome no Benfica. #Futebol