Nelson Évora garantiu esta sexta-feira de manhã, dia 6, a presença na final do triplo salto nos Campeonatos da Europa de Pista Coberta, que decorre este Sábado, dia 7, em Praga. O saltador português conseguiu a terceira melhor marca da sessão de qualificação e vai precisar de fazer mais para confirmar o favoritismo inicial para estes campeonatos. A melhor marca de Évora foi conseguida no segundo salto da competição de hoje. O saltador português alcançou uma marca de 16,61 metros, distância que o colocou no terceiro lugar no final da qualificação. Nas outras duas tentativas efectuadas Nélson Évora saltou 16,51 e 15,95 metros.

Na sessão desta sexta-feira de manhã, Évora foi batido pelo russo Dmitriy Sorokin com uma marca de 16,76 metros, o único atleta a conseguir a qualificação direta para a final.

Publicidade
Publicidade

O romeno Marian Oprea foi o atleta a obter o salto mais longo com 16,63 metros.

De recordar que Nelson Évora chega a estes Campeonatos da Europa com a melhor marca do ano, 17,19 metros, alcançados nos Nacionais de Pista Coberta, pelo que é apontado como o grande favorito a conquistar a medalha de ouro.

A final do triplo salto dos Campeonatos da Europa de Pista Coberta está marcada para o dia de amanhã e disputa-se a partir das 17h45.

Outros atletas portugueses

Durante a sessão desta manhã estiveram também em acção o barreirista João Almeida e os varistas Edi Maia e Diogo Ferreira. Com um segundo lugar na sua eliminatória, João Almeida garantiu a presença na meia-final dos 60 metros barreiras. O barreirista igualou o seu recorde de nacional de 7,66 segundos e foi apenas batido pelo francês Wilhem Belocian (7,63 segundos).

Publicidade

As meias-finais e a final ainda se disputam durante a sessão da tarde desta sexta-feira.

Sorte bastante diferente tiveram os dois varistas portugueses em prova, que falharam a qualificação para a final. Edi Maia não conseguiu ultrapassar a fasquia dos 5,05 metros e ficou muito aquém do seu recorde nacional de 5,70 metros. Diogo Ferreira conseguiu transpor 5,25 metros à segunda tentativa, mas não conseguiu ultrapassar a fasquia dos 5,45 metros e terminou a qualificação num modesto 17º lugar. #Atletismo