Ricardo Carvalho foi um dos heróis da Selecção Nacional no confronto com a Sérvia, apesar de ter estado em campo no Estádio da Luz durante apenas 16 minutos, devido a lesão.

Frente à equipa do leste da Europa, tornou-se, aos 36 anos, o jogador mais velho a marcar pela #Selecção, depois da finalização certeira aos 11 minutos, cujos festejos acabaram em tristeza, uma vez que se magoou e foi substituído por José Fonte. Ao que tudo indica, a lesão não é grave: "A expectativa é estar bem dentro de uma semana ou dez dias", referiu o central do Mónaco no final da partida.

Quando se pensava que Ricardo Carvalho não voltaria a representar Portugal, na sequência do abandono nos tempos de Paulo Bento, o defesa não só regressou, como continua a fazer história.

Publicidade
Publicidade

Foi o quinto golo ao serviço da Selecção Nacional, em 79 partidas, onde tem estado ligado aos momentos mais altos da história recente, desde o estatuto de vice-campeão da Europa, em 2004, ou, por exemplo, o quarto lugar no Mundial de 2006. Se mantiver este nível, não é de estranhar que dispute o Campeonato da Europa de 2016, caso Portugal confirme o previsível apuramento. Por outro lado, o sonho de estar presente no Mundial de 2018 já é mais do que uma miragem.

Príncipe no Mónaco

Ricardo Carvalho tem dado provas de inegável vitalidade, também, ao nível de clubes: quando se perspectivava o fim da carreira, ou a transferência para um clube de menor dimensão, surgiu há duas épocas como jogador do Mónaco, uma das melhores equipas do competitivo campeonato francês. Anteriormente tinha sido jogador do Chelsea, depois esteve ao serviço do Real Madrid.

Publicidade

Galeria de troféus

Entre as principais proezas, destacam-se, no palmarés Ricardo Carvalho, três campeonatos ingleses, um campeonato espanhol, a Taça de Inglaterra e a Taça do Rei. Mas, apesar da dimensão de "blues" e blancos", não voltou a ganhar qualquer competição na UEFA. No FC Porto, festejou a Liga dos Campeões e a Liga Europa, ao lado de Mourinho, treinador fundamental durante a sua notável carreira. Como dragão, foi, também, bicampeão nacional. #Futebol