Boas notícias para a Selecção Nacional. Fernando Santos viu esta segunda-feira, dia 23, o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) reduzir o castigo imposto pela FIFA. Inicialmente de oito jogos, o técnico luso vai agora ter de cumprir uma "pena" de dois jogos. Numa redução significativa, o seleccionador fica ainda nos próximos seis meses com uma sansão de mais dois jogos de pena suspensa. O castigo vai começar a ser cumprido já no próximo domingo frente à Sérvia no Estádio da Luz.

Num processo relativo aos oitavos-de-final do Campeonato do Mundo no Brasil, quando Fernando Santos ainda era seleccionador da Grécia, a expulsão no jogo frente à Costa Rica teve uma repercussão que o português nunca pensou atingir.

Publicidade
Publicidade

Com a FIFA a ter uma mão demasiado pesada, castigando o técnico com uma suspensão de oito jogos oficiais. No entanto, este não foi um impeditivo para a Federação Portuguesa de #Futebol (FPF) apostar no lisboeta para suceder a Paulo Bento.

Num cenário mais pessimista, caso Portugal se apurasse para o Europeu de 2016 em França, Fernando Santos podia ocupar o seu lugar no banco apenas a partir da segunda fase, isto se a equipa das Quinas se apurasse para essa fase da competição e também se o apuramento se fizesse via directa, ou seja nos dois primeiros grupos. Caso o passaporte para o Euro gaulês fosse carimbado via play-off, então o seleccionador podia orientar a equipa a partir do segundo jogo da fase de grupos. No entanto, a FPF, através do seu departamento jurídico, interpôs um recurso que teve efeito suspensivo do castigo, o que permitiu a presença do técnico no banco nos jogos frente à Dinamarca (em Copenhaga) e à Arménia (no Algarve), ambos com triunfos suados por 1-0 e que relançaram a turma lusa no apuramento.

Publicidade

Com um plano B fixado em Ilídio Vale, que seria a "extensão" do seleccionador no banco de suplentes, este será o cenário visto nos próximos dois jogos oficiais. Ou seja, a partida deste domingo frente à Sérvia no Estádio da Luz e com a Arménia a 13 de Junho não terão Fernando Santos no banco, que voltará à "acção" a 7 de Setembro contra a Albânia. Numa decisão comunicada ao final da manhã, o TAS considerou "exagerado" o castigo ao seleccionador português, que em todo o processo se mostrou sempre tranquilo com o desenrolar do caso. Boas notícias para Portugal, que praticamente entra a vencer neste regresso à competição, naquele que é o caminho rumo ao Euro'2016. #Euro2016