Charlotte Caniggia, é este o nome do momento em Itália. A modelo de 21 anos carrega no nome o "peso" da carreira futebolística do pai Claudio, mas agora dá nas vistas por outros motivos. A jovem, recentemente saída de um reality-show, afirmou que gosta muito de #Cristiano Ronaldo. Num discurso no mínimo atrevido, a argentina reforçou que não tem qualquer interesse por futebol, mas apenas pelo internacional português e estrela do Real Madrid.

Depois de ter participado recentemente na versão italiana da "Ilha dos #Famosos", onde Charlotte se negou a ficar nua, a história recente da filha de Claudio Caniggia tem feito correr muita tinta, tanto na Europa como na América do Sul, pelas constantes operações estéticas que tem efectuado ao seu corpo.

Publicidade
Publicidade

Agora com 21 anos, e dona de uma silhueta desconcertante, apareceu em público para "declarar" o seu interesse em Cristiano Ronaldo: "Gosto muito dele [Cristiano Ronaldo], apetecia-me muito…", disse num tom provocante. Quando questionada pelos jornalistas se gostava dos dotes futebolísticos do craque português, Charlotte foi novamente objectiva: "O futebol em si não me interessa nada", afirmou.

Fruto da relação do seu pai Claudio Caniggia, estrela do futebol argentino dos anos 80 e 90, com a modelo Mariana Nannis, Charlotte mostrou-se "disponível" para ocupar o lugar deixado vago no coração de CR7 depois deste se ter separado de Irina Shayk. Após ter partilhado as atenções com Fanny Neguesha, antiga namorada de Mario Balotelli na "Ilha dos Famosos", a jovem de 21 anos chamou agora para si todos os holofotes.

Publicidade

Parmalat trouxe Caniggia para o Benfica

Conhecido pelos seus dotes futebolísticos, mas também pelas polémicas dentro e fora de campo, Claudio Caniggia chegou ao Benfica no arranque da temporada 1994/1995. Emprestado pela empresa de lacticínios Parmalat, o avançado argentino aterrou no Estádio da Luz como se de um Deus se tratasse. Vindo de uma época sem jogar devido ao consumo de drogas enquanto defendia as cores da AS Roma, o internacional pela equipa das Pampas, na altura com 27 anos, chegou a encantar os adeptos encarnados, principalmente até Janeiro.

Famoso pelos beijos na boca que dava a Diego Armando Maradona quando ambos marcavam golos, Claudio Caniggia apontou 16 golos em 33 jogos de águia ao peito. Depois de perder o fulgor inicial, acabou por ver Edilson ganhar a titularidade. Saiu no fim da temporada para o Boca Juniors. Actualmente com 48 anos, o astro argentino volta a ser falado, mas pela "paixão" que a filha mostrou pelo melhor do Mundo.