Danilo é mais um exemplo de ascensão meteórica no futebol mundial, na sequência de um novo acordo milionário concretizado pelo FC Porto e o Real Madrid, a troco de 31,5 milhões de euros. O talentoso lateral tornou-se rapidamente num dos melhores jogadores dos dragões, sendo já referência da Selecção do Brasil, o que se torna, ainda, mais notável, considerando que há apenas seis anos disputava a Série C no seu país, equivalente à III Divisão. Com as cores do América Mineiro, clube de Minas Gerais, de onde é natural, foi, inclusive, campeão naquele escalão. Nesta equipa, actuou, ainda, na II Divisão, até que, em 2010, despertou a cobiça do Santos, o eterno clube de Pelé.

Publicidade
Publicidade

Rapidamente impôs o seu #Futebol e destacou-se com a conquista da prestigiada Taça de Libertadores, equivalente à Liga dos Campeões no ano seguinte.

Como é natural, várias equipas de renome mundial mostraram interesse no jovem talento, mas foi o FC Porto que ganhou o seu concurso, tendo pago 13 milhões de euros, menos de metade do que vai encaixar pelo negócio estabelecido com os "blancos", para um contrato válido até Junho de 2021.

Danilo está a cumprir a quarta temporada consecutiva nos dragões e luta pela conquista do terceiro título de campeão português, sendo que a vitória na Liga dos Campeões é, ainda, um sonho. Espera-se que o jovem futebolista brasileiro se torne uma referência no plantel do Real Madrid, caracterizado pela velocidade, técnica e polivalência, uma vez que pode actuar como extremo-direito ou no flanco oposto.

Publicidade

Laterais-direitos perto dos 75 milhões de euros

O FC Porto voltou a negociar um lateral-direito com o Real Madrid, depois do acordo para a transferência de Carlos Secretário, em 95/96. Em 2003/2004, os dragões encaixaram 20 milhões de euros com a venda de Paulo Ferreira para o Chelsea e, em 2007/2008, Bosingwa, outro defesa-direito, foi, também, vendido por aquele valor. Ou seja, adicionando estas verbas ao valor pela transferência de Danilo, os dragões totalizam 71,5 milhões de euros. #F.C.Porto