O Desportivo da Ordem impôs este domingo, 19 de Abril, a primeira derrota ao Viseu 2001 na fase de subida à Liga SportZone. Num duelo que podia deixar, em caso de triunfo, os viseenses novamente na liderança da Zona Norte, brilhou em grande escala Fábio, guarda-redes do emblema de Lousada que realizou uma exibição do outro mundo. Por outro lado, os homens treinados por Arnaldo Coelho foram muito eficazes e souberam sempre aproveitar os erros e os espaços na defensiva adversária. Com este triunfo por 2-4, o Desportivo da Ordem cola-se ao oponente desta jornada no segundo lugar com os mesmos sete pontos em quatro jogos.

Perante um Pavilhão Cidade de Viseu bem composto, os da casa entraram a todo o gás e mostraram nos primeiros minutos o porquê de serem a única equipa ainda sem derrotas nesta fase de subida.

Publicidade
Publicidade

Com boa circulação de bola e muita movimentação no ataque foi com naturalidade que o Viseu 2001 inaugurou o marcador à passagem do minuto 4. Na sequência de uma reposição do lado direito, Pablo Sanchez recebeu em zona e e rematou certeiro para o 1-0. Num resultado que se justificava, começava aos poucos a aparecer Fábio com defesas decisivas a evitar o avolumar da vantagem da equipa de David Sousa. No entanto, a velha máxima do "quem não marca sofre" veio à tona e, no espaço de um minuto, o Desportivo da Ordem fez dois golos, ambos apontados por Mário, dando a cambalhota no marcador. Assim que viu a sua equipa a perder, o técnico dos viseenses pediu tempo de desconto para colocar ordem nos seus homens, que com oito minutos para o intervalo voltaram a cair em cima do adversário, mas encontraram por variadas vezes o guardião do emblema de Lousada, que ia defendendo tudo e mais alguma coisa.

Publicidade

Com 1-2 ao intervalo, que penalizava claramente o Viseu 2001, o segundo tempo voltou a ter o mesmo guião dos primeiros 20 minutos, ou seja, os viseenses a atacar com Fábio, em conjunto com os postes da baliza, a evitarem o empate, e com o Desportivo da Ordem a jogar no erro e a aproveitar para ampliar para 1-3, aos 5 minutos, por intermédio de Hugo. Com dois golos de desvantagem, o clube da Cidade de Viriato não se deixou abater e, depois de mais algumas intervenções absolutamente incríveis do guarda-redes adversário, reduziu para 2-3, novamente por Pablo Sanchez e também numa reposição lateral. Com o jogo de novo relançado voltavam a animar-se os adeptos presentes no Pavilhão Cidade de Viseu que bem puxaram pelos seus jogadores, mas que pela enésima viram o keeper do Desportivo da Ordem puxar pelos "galões" e defender as ofensivas da equipa da casa. O resultado ficou definitivamente fechado a 4 minutos do fim quando André assinou o 2-4 final.

O Viseu 2001 ainda apostou no 5 contra 4 mas conseguiu apenas falhar mais algumas oportunidades claras de golo.

Publicidade

Num jogo em que a grande figura foi sem dúvida nenhuma Fábio, que apesar de ter sofrido dois golos evitou muitos mais com grandes defesas, o Viseu 2001 ainda acertou por quatro vezes nos postes da baliza adversária. Já o Desportivo da Ordem somou a segunda vitória consecutiva e reentrou na luta pela subida à Liga SportZone. Para já a liderança pertence ao Gualtar com 9 pontos, enquanto o Viseu 2001 e o clube de Lousada partilham o segundo posto com 7. #Futebol