Centro Social de São João e Viseu 2001 proporcionaram, em pleno dia 25 de Abril, um hino ao #Futsal nacional. Com duas equipas a lutar pela subida à Liga SportZone, os viseenses queriam prolongar o jejum de vitórias dos conimbricenses em casa e até estiveram perto do conseguir. Com constantes vantagens no marcador nos primeiros 25 minutos do jogo, os homens da casa souberam sempre reagir e acabaram por ficar com os três pontos vencendo por 6-4. Num duelo escaldante, dentro e fora da quadra, sorriram por último os homens de Cidinho, que assim reentram na dura luta pela promoção. Já o Viseu 2001 com esta derrota passou a depender de terceiros para chegar ao convívio dos grandes.

Publicidade
Publicidade

No jogo que fechava a primeira volta da fase de subida da Zona Norte, a pressão era ponto em comum nas duas equipas. Se, por um lado, o CS São João somava por derrotas os dois jogos em casa nesta poule final, já o Viseu 2001 queria emendar o surpreendente desaire em casa na ronda anterior frente ao Desportivo da Ordem. Perante um pavilhão praticamente lotado em São Martinho do Bispo, entraram melhor os comandados de David Sousa quando aos 6 minutos Chapu fez o 0-1. Com a festa a fazer-se sentir nos adeptos que viajaram desde Viseu, no minuto seguinte aconteceu nova explosão de alegria com Miguel a ampliar para 0-2. No entanto, o CS São João reagiu de imediato e na jogada seguinte reduziu para 1-2, com Zito a fazer o gosto ao pé. Com três golos num espaço de minuto e meio, o ritmo dentro da quadra era alucinante com as duas equipas na luta pelo resultado, mas pouco tempo depois (2') a equipa da casa voltou a festejar com Gustavo a empatar o jogo 2-2.

Publicidade

Numa partida que podia pender para qualquer lado, o Viseu 2001 conseguiu voltar a adiantar-se novamente por intermédio de Miguel, que fez o 2-3, o mesmo jogador que a 1'30 do intervalo fez autogolo e fechou o placar da primeira parte.

Com 3-3 ao intervalo, tudo poderia acontecer nos segundos 20 minutos, voltando o Viseu 2001 a marcar novamente por Pablo Sanchez, estava decorrido apenas 1m15s. No entanto, foi a partir daqui que o CS São João cerrou definitivamente os dentes e, através de Luisinho, aos 5' e aos 8', empatou e concretizou a cambalhota no marcador. A 12 minutos do final do jogo, a equipa de São Martinho do Bispo estava pela primeira vez na frente do marcador. Numa posição que nunca mais largou, a turma de Cidinho soube gerir como ninguém a vantagem 5-4. Com os ânimos, aqui e ali, mais exaltados, o CS São João conseguiu aguentar o pressing final do Viseu 2001 que ainda apostou no 5 contra 4, mas a expulsão de Nilton a 1m58s do fim do jogo hipotecou as chances dos viseenses alcançarem pelo menos um ponto.

Publicidade

Até soar a buzina pela última vez, houve ainda tempo para o golpe de misericórdia do CS São João que fez o 6-4 final por Zito.

Com este triunfo, o CS São João soma agora 9 pontos e está no segundo lugar da Zona Norte. Já o Viseu 2001 desceu para 4º com 7 pontos. Na liderança mantém-se o Gualtar com 12 pontos.

Resultados jornada 5:

Desportivo Ordem 0-3 Gualtar

Arsenal Parada 1-2 Piratas Creixomil

CS São João 6-4 Viseu 2001