O tão aguardado combate entre Floyd Mayweather e Manny Pacquiao - apelidado de "combate do século" - está marcado para dia 2 de Maio e será o evento de boxe que mais receitas vai gerar em toda a história desta modalidade. Nem Muhammad Ali, Mike Tyson, ou outros grandes pugilistas conseguiram tal feito. Devido às grandes campanhas de publicidade que estão a ser realizadas, Mayweather Pacquiao prometem ficar na história do #Boxe.

Este pode ser apelidado de "o combate dos milhões"

As verbas destinadas a cada pugilista são as seguintes: Floyd Mayweather, que conta com um registo imaculado de 47 vitórias e 0 derrotas, vai receber cerca de 175 milhões de euros.

Publicidade
Publicidade

Quanto a Manny Pacquiao, oito vezes campeão em categorias diferentes, o mínimo a receber será cerca de 120 milhões. Há ainda o extra de 18,4 milhões, em que 9,4 são para o vencedor e 9 para o vencido. O leitor estava a pensar ir assistir a este grande combate? É pena, pois os mil bilhetes disponíveis ao público foram vendidos em apenas 60 segundos. A organização do evento esperar lucrar mais de 250 milhões de euros através da venda televisiva em "pay per view", em que cada espectador que queira assistir em directo ao combate tem que pagar cerca de 82 euros. Até o árbitro, Kenny Bayless, de 64 anos, vai ser o mais bem pago de sempre, a encaixar 23 mil euros por arbitrar o "combate do século". 

Um combate que esteve para não acontecer

A primeira possibilidade de realizar "o combate do século" surgiu em 2009, no entanto, alguns desentendimentos entre as equipas técnicas dos dois pugilistas impediram que se realizasse o combate.

Publicidade

A espera foi longa, até que a 20 de Fevereiro de 2015 Floyd Mayweather confirmou nas redes sociais que tanto ele como Pacquiao já tinham assinado o contrato. O combate vai ter lugar no mítico MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, Nevada. Em jogo vão estar os títulos unificados da WBAWBC WBO.

Floyd Mayweather Jr., norte-americano de 38 anos, e intitulado de "O Melhor de Sempre", tem feito justiça a esse mesmo título. O seu registo é impressionante: 47 vitórias e 0 derrotas. É actualmente campeão em 5 categorias diferentes e foi considerado o atleta mais bem pago do mundo em 2012, 2013 e 2014.

Manny Pacquiao, filipino de 36 anos, é um dos melhores pugilistas da actualidade, mas o seu talento não se limita ao boxe. Aos 32 anos foi seleccionado para ser um membro oficial de estado das Filipinas, e actualmente está ainda ligado ao basquetebol, ao cinema e ainda fez uma passagem pelo mundo da música. Já foi campeão do mundo em 8 categorias diferentes, conta com um registo de 56 vitórias, 5 derrotas e 2 empates, e, de acordo com a Forbes, foi "apenas" o 14º atleta mais pago do mundo em 2013.