João Sousa, actual 56º melhor tenista do mundo segundo Ranking Mundial ATP, foi esta tarde eliminado do torneio Masters 1000 de Monte Carlo, tendo sido derrotado frente ao canadiano Milos Raonic, 6º classificado do Ranking ATP e 4º cabeça-de-série do torneio, por dois sets a zero com os parciais de 6-4 e 7-6 (7-4), num encontro a contar para a 2ª ronda da competição, após 1:26 horas. No primeiro set, Raonic conseguiu quebrar o segundo jogo de serviço do melhor jogador português da atualidade, para obter uma vantagem de 3-1, que acabou por ser determinante. Sousa teve dificuldades em conquistar os seus jogos de serviço por várias ocasiões, necessitando de recorrer às vantagens, enquanto Raonic utilizou a grande arma do seu jogo, o serviço, para gerir o resultado (totalizando 12 ases em todo em encontro).

O segundo set acabou por ser mais equlibrado, mas com Raonic a manter o seu domínio no serviço, ganhando inclusivamente os seus quatro primeiros jogos de serviço sem qualquer ponto de Sousa. O português fez o possível para se manter no set, que foi assim a um tie-break. Neste momento decisivo o canadiano foi mais forte, vencendo por 7-4 e assim seguiu em frente para os oitavos-de-final deste torneio jogado em sua "casa", já que Raonic reside actualmente em Monte Carlo.

Esta foi a segunda vez que o português e o canadiano se defrontaram nos courts, sendo que o primeiro encontro aconteceu curiosamente em Portugal, no Estoril Open 2011, duelo que Raonic venceu também por dois sets a zero, com um duplo 6-3. Com a presença na 2ª ronda, depois de ter derrotado o francês Edouard Roger-Vasselin na segunda-feira, Sousa melhora o seu registo de 2015 em Masters 1000, depois da eliminação na 1ª ronda em Indian Wells.

O vimaranense irá marcar agora marcar presença no Barcelona Open, que terá início no próximo domingo, antes de rumar a Portugal para Millenium Estoril Open, torneio da categoria ATP 250 que decorrerá no Clube de #Ténis do Estoril, entre 25 de Abril e 3 de Maio. Sousa tentará melhorar a sua prestação do ano passado, quando foi eliminado logo na primeira ronda pelo argentino Leonardo Mayer.

Este Monte-Carlo Rolex Masters conta com a presença de vários dos melhores jogadores do mundo como Novak Djokovic, Roger Federer, Rafael Nadal e o campeão em título Stanislas Wawrinka, que se encontram ainda em competição. A final está agendada para este Domingo, dia 19 de Abril.