O espanhol Joaquim Rodriguez, da Team Katusha, venceu a 4ª etapa da Volta ao País Basco, com partida em Zumarraga e chegada em Arrate (Eibar), numa distância de 162 quilómetros. O português Rui Costa, da Lampre-Merida, terminou no 9º lugar da etapa com o mesmo tempo do vencedor, subindo ao 12º lugar da Classificação Geral. Depois de no início da etapa termos tido um grupo de cerca de 20 ciclistas a tentar escapar do pelotão sem sucesso, a fuga do dia acabou por ser composta por quatro homens: Tony Martin (Etixx-QuickStep), Tom Danielson (Cannondale-Garmin), Pello Bilbao (Caja Rural) e Romain Hardy (Cofidis), com Martin e Danielson a distanciaram-se dos seus companheiros de iniciativa a cerca de 65 kms da meta, seguindo sozinhos até aos últimos 7 kms da etapa, onde foram alcançados pelo pelotão.

Apesar de terem sido a Team Sky e a Movistar a trabalhar no pelotão durante boa parte da etapa para os seu líderes Sergio Henao e Nairo Quintana, a Lampre-Merida de Rui Costa deu um ar da sua graça liderando o gruo principal durante a ascensão do Alto de San Miguel, a pouco mais de 20 kms da meta. Mas este trabalho trouxe poucos frutos, com o ciclista português a chegar à subida final ao Alto de Uzartza sem colegas de equipa em condições de o apoiar, assumindo uma posição bastante defensiva durante os últimos quilómetros da etapa.

Durante a subida final, Ilnur Zakarin (Katusha) e o camisola amarela Sergio Henao (Sky) distanciaram-se do grupo principal, sendo apenas alcançados nos últimos dois quilómetros da etapa, já numa fase de descida após a contagem de montanha. A etapa decidiu-se ao sprint, num grupo bastante restrito de 12 ciclistas, onde se encontravam os principais trepadores e candidatos à vitória nesta Volta. Joaquin Rodriguez foi o mais forte, batendo Bauke Mollema (Trek Factory Racing) e Simon Yates (Orica GreenEDGE), 2º e 3º classificados da etapa. Esta foi a segunda vitória consecutiva de Rodriguez na competição, tendo vencido também a etapa de ontem. Na Classificação Geral, o colombiano Sergio Henao mantém a liderança, com o mesmo tempo de Joaquim Rodriguez (Katusha) e Nairo Quintana (Movistar). Rui Costa é agora 12º classificado a 26 segundos do líder, depois de ter partido para o dia de hoje no 21º lugar da tabela.

Na sexta-feira os ciclistas irão correr a última etapa em linha da prova, entre Eibar e Aia, num percurso de 155 quilómetros que conta com oito contagens de montanha incluindo a chegada no Alto de Aia e que antecede o contra-relógio final de Domingo. #Ciclismo